Reprodução web 6f052bd6 4cd7 4770 acd6 85e3704209d0 Ilustração

Foi publicada no Diário da Justiça Eletrônico desta quinta-feira, dia 12, a decisão do juiz John Silas da Silva, da 8ª Vara Criminal de Maceió, de que o sargento da Polícia Militar José Joseildo Ferreira Cavalcante deve ir a júri popular acusado pelos crimes de homicídio e tentativa de homicídio praticados contra Andrews Patrick Barbosa e Anderson Rodrigo Lima Silva, respectivamente.

O caso aconteceu no bairro do Benedito Bentes, em Maceió, no mês de abril de 2013. De acordo com o processo, as vítimas seguiam em uma motocicleta quando foram surpreendidas pelo militar, que efetuou disparos de arma de fogo.

Ainda de acordo com a denúncia, Andrews foi baleado e não resistiu. Já Anderson também recebeu um tiro, mas conseguiu fugir do local. O crime ocorreu porque José achava que as vítimas haviam roubado a motocicleta de seu filho. Em depoimento, o réu negou envolvimento no caso.

O policial foi pronunciado e deverá ir a júri popular por homicídio qualificado por motivo torpe e mediante recurso que dificultou a defesa das vítimas, além de tentativa de homicídio. A data do julgamento ainda será definida pela 8ª Vara Criminal.

*Estagiária com Ascom TJ