Foto: Reprodução / Redes Sociais 1ec77937 802e 4323 8fb3 e72e507432c7 Jaiane Rose (Foto: Reprodução/Instagram)

Amigos e companheiros de farda da soldado Jaiane Rose Pereira Ribeiro decidiram retomar a campanha para arrecadar dinheiro e comprar uma prótese para a militar. Ela perdeu alguns dos dedos das mãos após ser baleada durante um assalto, no dia 25 de março, no estado de Pernambuco.

Jaiane é lotada no 6º Batalhão de Polícia Militar de Maragogi, no Norte de Alagoas. Uma campanha foi iniciada anteriormente, mas foi encerrada após a Polícia Militar afirmar que arcaria com os custos da prótese. Como a peça não foi adquirida, a soldado e os amigos resolveram retomar a campanha.

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, a tenente-coronel do Corpo de Bombeiros, Camila Paiva, explica que a situação em relação à arrecadação e pede o apoio para a compra da prótese.

“Contamos com o apoio de todos para que possamos fazer esta arrecadação para que ela tente voltar à vida normal”, declara a oficial.

 A soldado Jaiane foi baleada no município de Jundiá, em Pernambuco, durante um assalto no dia 25 de maio. Ela estava acompanhada do marido e deixava Alagoas após a prova do concurso do Tribunal de Justiça.

Na ação criminosa, os bandidos reconheceram a soldado que foi baleada no tórax e nas mãos.

As próteses que Jaiane necessita são fabricadas fora do Estado e foram orçadas em cerca de R$ 7.500. Além disso, também há gastos com a viagem e todo o trâmite necessário para a aquisição do equipamento.

Para ajudar na compra das próteses, basta realizar uma doação via depósito bancário, de qualquer valor, na seguinte conta:

Banco: Caixa Econômica Federal

Agência: 3695

Operação: 001

Conta Corrente: 20925-9

Veja o vídeo: