Foto: Alagoas Web 0e82661b b60e 460d b031 67341f130f37

Quartro pessoas foram feridas por disparos de arma de fogo durante um assalto a um ônibus da Real Alagoas, na noite desta quarta-feira (20), em um trecho da BR 101 no município de São Miguel dos Campos, a 60 km de Maceió. Dois militares estavam no coletivo e houve troca de tiros. Um suspeito morreu, um foi preso e outro conseguiu fugir.

De acordo com relatos de testemunhas, três criminosos armados entraram no coletivo e antes de anunciar o assalto reconheceram um militar entre os passageiros. Em seguida, iniciou-se uma intensa troca de tiros entre os criminosos e os dois policiais, um civil e outro militar, que estavam no ônibus.

O polícial civil, identificado como Jailson Gomes das Neves, foi baleado no rosto. Outras três pessoas, ainda não identificadas, também ficaram feridas. Ainda segundo testemunhas, dois dos feridos seriam funcionários da Real Alagoas.

As vítimas foram encaminhadas para a Santa Casa de Misericórdia de São Miguel dos Campos, mas duas delas foram transferidas para Hospital Geral do Estado, em Maceió, devido à gravidade dos ferimentos.

Os criminosos pularam do veículo ainda em movimento e fugiram levando o malote com o dinheiro da empresa de ônibus. Segundo a polícia, eles poderiam estar feridos, devido à intensa troca de tiros. Após rondas, os militares localizaram e prenderam um dos suspeitos. Um foi foi baleado e não resistiu aos ferimentos  e o outro conseguiu fugir.

Vinte e cinco pessoas estavam no ônibus que seguia viagem para Arapiraca, no Agreste alagoano.

 

*Matéria atualizada às 22h10