Luciano Costa/Ascom PC 13a5191f 9d6a 4597 b88d 223102a79253 Polícia civil prende duas pessoas acusadas de furtos de cabos de internet

Nesta quarta-feira (16), Marcos Pereira de Lucena, 34 anos e Rubealdja da Silva Gomes, 29, foram presos no bairro da Santa Amélia, em Maceió. A dupla é acusada de furtar fios de internet. A prisão foi realizada pelos policiais civis do Grupo de Investigação da Delegacia Geral da Polícia Civil (GIDG).

Segundo a assessoria de Comunicação da PC, Marcos Pereira é funcionário da Rede Conecta Operações, uma empresa terceirizada a serviço da Oi. Noventa quilos de cobre foram encontrados dentro do veículo que o acusado conduzia.

Rubealdja Gomes é proprietária do Ferro Velho, localizado no conjunto Village Campestre, que receptava o material. Ela era a responsável por comprar os cabos furtados.

Preso, Marcos confirmou que furtou mais de 400 kg de fios de cobre, chegando a faturar em torno de R$ 6 mil. Cada quilo de cobre era vendido por R$ 16,00. O acusado atuava na área da Via Expressa e nos bairros do Farol, Benedito Bentes e Pinheiro.

De acordo com as investigações, e as informações passadas pelo GIDG, o suspeito foi flagrado na última semana quando furtava cabos na altura de uma distribuidora no bairro Antares, em Maceió. A partir das imagens do circuito de segurança e às investigações, os policiais conseguiram ligar o suspeito a outros quatro furtos.

Estagiária com Ascom PC*