38aeb9ee 02e5 4c25 91b4 6a4b89ca0349

     Você nunca entenderá todas as atribuições de um enfermeiro até ser ou conviver bem de perto com um. 

    Nossas ausências em nossas casas são contabilizadas a cada dia que deixamos nossas famílias e nos dispomos a cuidar de desconhecidos ou a cada vez que precisamos nos ausentar simplesmente para dormir porque nosso cansaço é quase sempre latente. 

    Estamos sempre em alerta. Somos nós que as pessoas chamam quando acaba o soro, a esperança e até mesmo a vida quando esta resiste por um fio. Eterna prontidão de verdadeiros lutadores prontos para resolver  qualquer problema.

      Anônimos. Milhares de profissionais que passam despercebidos pela falta da valorização profissional. Você certamente não saberá o nome da técnica de Enfermagem que lhe socorreu quando mais precisou mas com certeza irá falar com orgulho sobre o médico que lhe consultou.

       Desconhecidos seres que todos os dias têm suas vidas passando nas mãos dos pacientes e nunca ao contrário. Que riem e que choram. Que se apegam. Que estão em suas casas muitas vezes preocupados com aqueles que ficaram no hospital. Que quase nunca descansam.

      Estamos na linha de frente da saúde deste país, numa verdadeira trincheira. Grandes soldados que ainda que cansados, exaustos, não reconhecidos e tantas vezes sobrecarregados, nunca deixam de ser excelentes combatentes.

       Que a sociedade alagoana possa ter um olhar mais amoroso diante dos seus profissionais da Enfermagem. Que sigamos na luta pela valorização e pelo nosso espaço. Que tenhamos forças para continuarmos nossa missão e que o amanhã nos reserve melhores condições.