71583326 0dcb 4982 acb3 7cca03b815d7

Obras de pavimentação e drenagem em ruas da cidade de Arapiraca, Agreste do Estado estão na mira de investigação do Ministério da Transparência e da Controladoria Geral da União (CGU), sob suspeita de superfaturamento na execução das obras, após investigação em nível nacional.

No caso de Arapiraca, o prejuízo seria de R$ 145 mil em serviços que não foram realizados ou que não tiveram comprovação, com um prejuízo total podendo passar dos R$ 390 mil envolvendo outras irregularidades.

As obras em questão teriam sido realizadas com recursos disponibilizados pelo Ministério das Cidades, contabilizando aproximadamente R$ 15 milhões, e agora estão sob investigação da CGU.

Em nota, a prefeitura de Arapiraca informou que o contrato com os prestadores de serviço que realizaram essas obras foi encerrado no ano passado, que o caso será apurado, e que as empresas envolvidas na fraude podem ser punidas, e que uma nova licitação será aberta para dar continuidade às obras. A investigação fiscalizou 67 contratos de obras em todo país, e encontrou indícios de fraude em 32 licitações.

https://pix.7segundos.com.br/?tid=110502&tt=noticias&h=107129cbba60848a0a0473e3c8ff03b2fad2e170