Foto: Cortesia 1b4a9f59 dd67 4ab0 8f11 3b51beb3fdd4 Flávio Moreno, Cabo Bebeto e Eduardo Bolsonaro em Alagoas

O deputado federal por São Paulo, Eduardo Bolsonaro (PSL-SP), esteve em Maceió, no último dia 10, para dar o pontapé inicial aos "acordos políticos" em torno da candidatura de Jair Bolsonaro – seu genitor – à Presidência da República pelo Partido Social Liberal.

Segundo informações repassadas ao Blog, a passagem do parlamentar pela capital alagoana foi uma prévia ao “ó abre alas” para Jair Bolsonaro que deve aterrissar em solo alagoano no próximo mês.

O objetivo - de Bolsonaro (o filho) - foi alinhar o discurso com os aliados no Estado, na tentativa de consolidar candidaturas locais que representem a ideologia da legenda.

Na disputa pela Assembleia Legislativa de Alagoas (ALE) e Câmara dos Deputados dois nomes estão definidos para concorrer nas vagas de deputado estadual e federal. Um deles, inclusive, é o policial militar, Cabo Bebeto, que vai buscar um 'assento' na Casa de Tavares Bastos. 

Por outro lado, o policial federal, Flávio Moreno, desponta como o  nome do PSL para concorrer a uma das nove vagas de deputado federal.

Ainda de acordo com fontes fidedignas deste espaço, a família Bolsonaro tenta atrair - também - a confiança do atual procurador-geral de Justiça de Alagoas para os quadros do PSL, por acreditar que o discurso é bem parecido.

Se aceitar o convite, Alfredo Gaspar de Mendonça pode ser um dos 'propulsores de votos' para o partido como candidato ao Senado Federal. 

O cenário ainda é incerto!

Contudo, a composição do palanque também será definida após uma decisão do PGJ, Alfredo Gaspar, se vai aderir ou não, ao PSL.

Por enquanto, Cabo Bebeto e Flávio Moreno são os nomes do partido - em Alagoas - para disputar o pleito de outubro vindouro. 

Redes Sociais: Kleversonlevy  
Email: kleversonlevy@gmail.com