Foto: Facebook/Arquivo B7a38461 36a3 4c8c 9bec 909ff7a0e3b2 Deputado federal Arthur Lira (PP)

Em pleno ano eleitoral, o parlamentar que se destaca - nacionalmente - ganha holofotes midiáticos que o ajudarão em sua campanha à reeleição de outubro. 

Foi o que aconteceu esta semana com o deputado federal Arthur Lira (PP) que - agora - lidera 244 parlamentares entre os partidos PP, MDB, DEM, PSB, PDT, PODE, PCdoB, PSC, PHS, AVANTE e PEN.

Essa considerada "força" de Lira ganhou mais reforço por conta de sua sigla, o PP, ter na base aliada 45 integrantes e obtendo a terceira maior no Congresso Nacional. 

Em Brasília, Arthur Lira também ganha o reconhecimento pelo 'trânsito livre' com o Governo Federal, entre os Ministérios de Temer, e boa articulação política com os colegas de parlamento. 

Por outro lado, em Alagoas, com sua imagem positiva na Capital Federal, o pepista  causa "ciúmes" em alguns grupos políticos que não aceitam que ele - Arthur -  e o pai - o senador Biu de Lira - permaneçam com tanta força que deem sustenção para angariar votos-aliados no pleito de outubro. 

Foi o que disse uma fonte do blog ao revelar que - se Arthur e Biu - tiverem mais notoriedade, em meados de 2018 e aliado ao apoio que receberão do Governo Federal, a eleição em Alagoas ficará menos complicada para família 'De Lira'.

Sem falar, reforçou a fonte do blog, o número de Prefeituras que garantem o apoio à reeleição de pai e filho para o Congresso Nacional.  

Será? 

Contudo, para os especialistas da política alagoana Arthur Lira garante - sem dúvidas - seu retorno à Câmara dos Deputados pelas lideranças que declaram apoio à sua candidatura; prefeitas e prefeitos aliados; além do Governo Federal (o próprio Temer) que quer garantir os parlamentares governistas reeleitos em troca de apoio e aprovações (antes da eleição) na Câmara e Senado. 

Já o senador Biu de Lira... aí é uma outra história a ser contada!  

No entanto, repito: Não queiram entender os bastidores da política alagoana. Esperem a eleição chegar e vejam o resultado dos palanques formados e seus respectivos aliados. 

Afinal, se a união faz a força, os bastidores fazem a velha política alagoana acontecer.  

Aguardemos os proximos capítulos da eleição de 2018. 

Redes Sociais: Kleversonlevy   

Email: kleversonlevy@gmail.com