2459e698 c945 4413 a06d acb05c86723a

A Prefeitura de Marechal Deodoro, por meio da Secretaria de Assistência Social, vem realizando uma série de ações para dar melhorias às comunidades de todo o município. Desta vez, está sendo desenvolvido o Método CDC – Cuidando do Desenvolvimento da Criança, que faz parte do Programa Criança Feliz, do Governo Federal.

O Programa Criança Feliz tem o objetivo de beneficiar crianças de zero a três anos que não participam do Benefício de Prestação Continuada (BPC); de zero a seis anos que participam do BPC; e gestantes. Em Marechal Deodoro, o trabalho é feito para que a criança se desenvolva socialmente, fisicamente, mentalmente, além de tratar do desenvolvimento motor.

Já o método CDC, que está incluído no Programa Criança Feliz, tem o objetivo de trabalhar os cuidadores, ou seja, pais e/ou responsáveis, para melhorar o desenvolvimento da criança. Uma vez por semana, as equipes da Secretaria de Assistência Social realizam visitas às residências das 150 famílias cadastradas no programa para trabalhar, junto com os pais, a construção de brinquedos, sem trabalhos mecânicos, contribuindo com o Meio Ambiente. Já as gestantes recebem visitas mensais.

Na última terça-feira (27), os visitadores participaram de uma capacitação para tratar de melhorias nas visitas que realizam. Durante a manhã, os visitadores viram a parte teórica e, no período da tarde, iniciaram as visitas às residências no conjunto Gislene Matheus, onde puderam acompanhar algumas crianças e ver as melhorias que vem acontecendo após a participação do programa.

Segundo a supervisora do Programa Criança Feliz no município, Verônica Rufino, tudo é feito com objetivos de desenvolver as crianças.

“Após as visitas, se percebemos dificuldade na criança, deixamos uma atividade para ser executada todos os dias pelos pais, até a próxima visita, e aí o cuidador observa se a criança aprendeu e se a mãe está tendo a sensibilidade e responsabilidade com a criança. Nosso objetivo não é fazer nenhum tipo de atividade com os pais, e sim com a criança, só vamos orientar e apoiar o cuidador. Nossos visitadores estão trabalhando desde maio e estamos obtendo grandes resultados, nós estamos atendendo a quase todos os povoados do município.”, explicou.

As comunidades atendidas são Gislene Matheus, Eric Ferraz, Terra da Esperança, Recanto da Ilha, Santa Rita, Barra Nova, Massagueira, Taperaguá e Vila Altina.

Para Rosa Maria da Silva, que participa do Método CDC, o programa está ajudando na educação e desenvolvimento do seu filho.

“Esse programa é ótimo, meu filho está aprendendo bem mais. Antes ele não tinha hábitos de educação e hoje em dia ele já fala mais e também está se desenvolvendo muito na creche. Num instante ele aprende, tanto em casa quanto na creche ele tem mais educação”, disse.