Foto: Cada Minuto/ Arquivo 8cdecea4 0c90 484f acc5 4dbea765bfdc Rui Palmeira

Os aliados do prefeito de Maceió, Rui Palmeira (PSDB), enxergam o tucano como o único nome - dentro do tabuleiro político - com condições de disputar a eleição contra o governador Renan Filho (PMDB), na luta pelo comando do Palácio República dos Palmares. 

Por conta disso, mesmo afirmando o apoio ao prefeito, querem que, o quanto antes, o próprio Rui Palmeira defina sua candidatura e assuma a postura de quem quer de fato disputar o Palácio República dos Palmares. 

Enquanto Rui Palmeira não “bate o martelo” fica difícil organizar a chapa, pois há a questão envolvendo as candidaturas ao Senado Federal, quem seria o vice e até mesmo as estratégias para as proporcionais.

Nas proporcionais, o grupo acredita que pode eleger 10 deputados estaduais, incluindo aqueles que já possuem mandato, como é o caso de Gilvan Barros Filho (PSDB), Chico Holanda (PP), Edival Gaia (PSDB) e Bruno Toledo (PROS). Mas, é muito difícil vender a imagem de um grupo diante da incerteza de se ter ou não a cabeça de chapa. Daí, a dúvida em relação ao prefeito de fato incomoda. 

Um dos que tem mais pressa é o PP do senador Benedito de Lira, que tenta até juntar o grupo para o anuncio oficial de candidatura, independente de Rui Palmeira estar ou não presente. O grupo também tem pressa para poder percorrer o interior do Estado de Alagoas em eventos com a presença do prefeito tucano. Afinal, creditam a distância nas pesquisas ao fato dele ainda não ser tão conhecido nessas regiões e o governador estar sempre presente por força do cargo que ocupa.  

Do outro lado, o grupo de Renan Filho trabalha com a “certeza” de que Rui Palmeira é candidato e tenta minar de todas as formas as bases do prefeito, buscando diálogos com os partidos que lá estão e até mesmo espalhando boatos de acordos previamente fechados, como foi feito em relação ao ministro dos Transportes, Maurício Quintella Lessa (PR). Quintella já negou qualquer acordo com Renan Filho. 

O problema é que Rui Palmeira é um tucano nato. Age com uma frieza e num “tempo” próprio que desafia os relógios do Democratas, PR, PP e PROS. Para estes, já passou do tempo que Rui Palmeira assumir uma posição. 

Estou no twitter: @lulavilar