Cortesia 9703ef68 55ef 41ae b817 b99516960b5f Encontro discute alternativas do PSDB para 2018

Num encontro promovido pelo empreendedor Adoniram Lúcio de Souza Guerra, em sua casa de praia, políticos do PSDB bateram o martelo e definiram, na tarde desta terça-feira (30), que o prefeito de Maceió, Rui Palmeira, será mesmo candidato a governador de Alagoas nas eleições deste ano. Após o encontro uma foto foi postada nas redes sociais.   

Na oportunidade, segundo informou Adoniram Guerra, foi definido que Rui vai encabeçar a chapa que pretende barrar a tentativa de reeleição do atual governador, Renan Filho (MDB).

A informação é de que o prefeito da capital vai se pronunciar oficialmente sobre a questão entre o final de março e início de abril, obedecendo o período de desincompatibilização. 

Rui Palmeira terá ainda mais dois meses para continuar se dedicando à gestão de Maceió, paralelamente aos encontros que podem definir as candidaturas a deputado estadual, federal e para o Senado. Os partidos Democratas (DEM), PR, PP, PROS e até mesmo o PDT de Ronaldo Lessa podem caminhar juntos, já que o deputado federal ainda não anunciou oficialmente qual será seu candidato ao governo. 

Plano B para Senado 

O encontro também definiu que uma das candidaturas ao Senado da chamada Frente de Oposição pode ser do ex-governador Teotônio Vilela Filho, mas para que isso seja confirmado é necessário aguardar a definição das investigações sobre as supostas irregularidades que ocorreram em dois lotes da obra do Canal do Sertão alagoano, licitadas pelo governo do Estado entre 2009 e 2014. Téo Vilela comandou Alagoas de 2007 a 2015.

Caso o ex-governador seja impedido pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) de registrar sua candidatura ao Senado, o deputado estadual Rodrigo Cunha será convocado pela executiva estadual do PSDB para concorrer ao cargo. Já o outro nome da chapa para senador deve sair das composições com outras legendas o que deve ocorrer até o dia 7 de abril. 

Participaram do encontro o empresário Adoniram Guerra (anfitrião), o prefeito de Maceió Rui Palmeira, o prefeito de Arapiraca Rogério Teófilo, o advogado Moacir Neto (filho de Teófilo), o deputado Rodrigo Cunha, o secretário do Planejamento, Orçamento e Gestão de Arapiraca Antônio Lenine, o secretário do Desenvolvimento Econômico e Turismo de Arapiraca, Ricardo Barreto e o vice prefeito de Maceió Marcelo Palmeira.