Foto: Agência Alagoas E451b91c 347a 4a6c 9341 c96add0b5f44

Uma ação conjunta no calçadão do centro de Maceió reuniu, nesta terça-feira (30), o Instituto de Metrologia e Qualidade de Alagoas (Inmeq-AL) e o órgão de defesa do consumidor municipal Procon Maceió. As visitas se concentram em lojas de artigos voltados para o período de carnaval. Ação continuará até amanhã, com objetivo de garantir segurança aos consumidores.

“É um período de grande circulação de fantasias e adereços, por isso, estamos atentos à comercialização desses itens. Principalmente se as informações presentes nas etiquetas e embalagens atendem as normas técnicas do Inmetro”, ressalta o diretor-presidente do Inmeq, Luiz Pedro Brandão.

De acordo com os técnicos, é preciso que a etiqueta de uma fantasia, ou adereço, contenha informações do fabricante - CNPJ, endereço, razão social - além de dados sobre a composição da peça, o que evita possíveis alergias do usuário no ato da compra.

Já o Procon, atua verificando os valores praticados pelo comércio entre outros aspectos que pretendem garantir mais segurança aos consumidores.

Pré-Medidos

O departamento do Instituto de Metrologia responsável pela verificação de produtos pré-medidos - itens embalados na indústria, sem a presença do consumidor - atuou fiscalizando confetes e serpentinas, para apurar se os valores nominais constantes na embalagem conferiam com o peso real.

Segundo os técnicos, preliminarmente, não foram constatadas irregularidades em relação aos pesos. No entanto, foram recolhidas amostras para analise no laboratório do instituto.