9e5da4e8 4f08 4dc0 bbe9 4167a04c529f

Está chegando o grande dia. Dentro de duas semanas, na noite de 02 de fevereiro, os grupos Maracatu Baque Alagoano e Coletivo Maracatod@s farão a festa do público no Jaraguá Folia, no novo Polo dos Maracatus, na Praça Marcílio Dias. Contudo, enquanto os batuqueiros intensificam os ensaios e fazem os ajustes finais para suas apresentações e cortejos, eles aproveitam também para prestar seus respeitos através de sua música nos 106 da Quebra de Xangô.

Diante da mudança do itinerário do Jaraguá Folia, que este ano deixa de fazer seu tradicional cortejo pela Rua Sá e Albuquerque, a Praça Marcílio Dias foi escolhida para ser o novo ponto de encontro dos grupos, transformando-a no Polo dos Maracatus. Apresentações com música e percussão vão animar o público antes da saída dos cortejos.

E ensaio é a palavra-chave desses últimos dias. Ambos maracatus estão ensaiando aos domingos pela manhã, o Baque Alagoano na Marcílio Dias e o Maracatod@s na Praça Centenário. "Estamos no Farol todos os domingos às 10h, ensaiando para fazer uma grande festa no Jaraguá Folia", destacou Élida Miranda, uma das fundadoras do Coletivo Maracatod@s.

"Nosso tradicional Polo deixa o Largo dos Poetas, em frente a nossa sede ali nos fundos do Mercado do Jaraguá, mas de certa forma continuamos em casa, pois ensaiamos há anos na Praça Marcílio Dias. Esperamos todo mundo lá na noite de 02 de fevereiro que, além de ser noite de festa, representa uma resistência da cultura afro em Alagoas, ecoando os tambores que 106 anos atrás foram cruelmente silenciados", convocou Rômulo Fernandes, sócio-fundador do Baque Alagoano.

Na madrugada de 01 para 02 de fevereiro de 1912, quando os terreiros de Maceió se preparavam para as homenagens a Oxum e para o carnaval, que seria dentro de poucos dias, uma turba liderada pela Liga dos Republicanos Combatentes invadiu e depredou terreiros por toda capital, também agredindo fisicamente o povo de santo. A partir daquela noite, manifestações religiosas de matriz africana deixaram de ir a público em Alagoas. O maracatu de baque virado também silenciou durante os carnavais, voltando às ruas apenas em 2008, no primeiro cortejo do Maracatu Baque Alagoano no Jaraguá Folia.

Assim como as demais atrações do Jaraguá Folia, o Polo dos Maracatus começa suas atividades a partir das 20h. Mais informações podem ser encontradas nas redes sociais dos grupos.