Divulgação Dd613ec6 779c 430a b885 79e20c6f9b34 Ted Bundy matou 30 mulheres nos anos 70, na Flórida

O ator Zac Efron (Baywatch) postou uma foto no Twitter para avisar que começou a produção do filme Extremely Wicked, Shockingly Evil and Vile (“Extremamente Perverso, Chocantemente, Malvado e Vil”, em tradução livre) que retrata a vida do mais famoso serial killer dos Estados Unidos, Ted Bundy.

A trama envolve o relacionamento entre Bundy e sua namorada Liz Kloepfer, que durou sete anos. Os dois se conheceram em 1969 e por três vezes ela o denunciou à polícia por comportamento violento.

Para quem não conhece, Ted Bundy confessou 30 assassinatos, ocorridos, segundo ele, entre 1974 e 1978. Ted ficou famoso nos anos 70 por raptar, estuprar e assassinar mulheres e foi morto em 1989, aos 42 anos, na cadeira elétrica. Em uma de suas histórias, o assassino fugiu da polícia e, na mesma noite, matou duas meninas e feriu três outras ao redor do Chi Omega, uma casa de república de mulheres em Tallahassee, na Flórida.

Ele foi preso novamente e condenado à pena de morte em 1989. O júri demorou apenas quinze minutos para a decisão. Uma mulher foi a responsável por ligar a cadeira elétrica, como forma de “vingança” pelos seus atos.

Joe Berlinger será o diretor do longa escrito por Michael Werwie. Além de Zac Efron, o elenco conta com Lily Collins (Liz Kloepfer) e John Malkovich (Juiz Edward Cowart).

Zac postou a foto no Twitter pessoal