Ilustração 13779527005998 Urna eletrônica

2018 mal começou e o que mais se comenta é sobre os bastidores políticos e a “correria” dos partidos políticos para conseguir um maior número de filiados para compor as chapas. 

Será um ano de alguns desafios, principalmente depois da aprovação da minireforma, que causa um impacto nas maneiras usadas para fazer a campanha chamando a atenção do eleitor, que fica a cada dia mais desacreditado na política. 

Os meses de março e abril são mais aguardados pelos políticos com a abertura da janela partidária, que muitos estão até querendo dispensar o carnaval. 

A campanha será apenas de 45 dias, mas a impressão que temos é que ela começou desde a meia noite do dia 01!