A093442d 459c 4ac5 90b5 e72d69d03059

A Prefeitura de Marechal Deodoro, por meio da Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT), realizou mais uma palestra com o coordenador da Lei Seca no Estado, tenente Emanuel Costa. A palestra aconteceu na noite dessa quarta-feira (13), no auditório do Espaço Cultural e contou com público alvo diferente. O foco foi alertar aos mototaxistas e taxistas sobre algumas leis de trânsito necessárias para o trabalho deles e a Lei Seca.

Com interação dos participantes, o tenente Emanuel Costa explicou a importância do uso do capacete, as consequências de manusear o celular no carro, cinto de segurança, distância de segmento, ultrapassagem em local proibido pela sinalização, o uso do capacete dos mototaxistas e dos passageiros, dispositivo de retenção (cadeirinha), beber antes de dirigir e suas consequências.

Além disso, os motoristas e motociclistas que fizeram perguntas e se esclareceram com algumas dúvidas, receberam brindes com a logomarca da Lei Seca. O tenente Emanuel ainda explicou para os participantes o uso correto do capacete.

O coordenador ainda mostrou alguns vídeos sobre casos de acidentes de trânsito ocasionados pela falta do uso de cinto, álcool e outras infrações. Para concluir a palestra, foi realizado o teste do bafômetro com alguns dos participantes da palestra. Foi usado para o teste, a cerveja, enxaguante bucal e chocolates com álcool.

Para o superintende da SMTT, Guilherme Breda, trazer o tenente Emanuel Costa para tratar da Lei Seca no município faz parte da educação de trânsito que a SMTT está realizando em Marechal Deodoro, alertando os motoristas sobre as causas de não seguir corretamente as leis de trânsito.

“Nós da SMTT estamos implantando a educação de trânsito a partir de agora, já fizemos algumas ações para que no ano que vem possamos começar com mais força. Já trouxemos o tenente na Semana do Trânsito e dessa vez, decidimos modificar o público para tratar com profissionais, pessoas que necessitam da carteira de habilitação. Vocês precisam de mais conscientização sobre as leis de trânsito e proteger não só vocês, mas também os seus passageiros. Contamos com vocês para mudar o trânsito de Marechal Deodoro”, disse.

Para o coordenador, ter um novo público para a palestra ajuda ainda mais na conscientização, já que são profissionais e precisam seguir ainda mais as leis de trânsito, pois dependem disso para a própria sobrevivência.

“Estes profissionais precisam se conscientizar das leis e segui-las, porque se perderem algum ponto na carteira, ou a própria habilitação vão passar dias ou meses sem trabalhar, e como vão sobreviver? Eu sei que é difícil conscientizar seus passageiros, mas primeiro precisam estar conscientizados, e assim ter melhores resultados”, alertou.