8ff36d8f 41ed 427d b05c 2bad7c7076d5

 

“Levando a vida na gaita” é mais do que uma expressão que brinca com uma metáfora, é o diálogo de um músico com seu público através de uma bela história de curiosidade, encantamento e paixão de um jovem por um instrumento.  Narrada e tocada com uma sensibilidade ímpar, o músico Luciano Falcão, soube dosar com maestria um passeio musical por suas lembranças, seus ídolos e suas referências. Este encontro com a plateia aconteceu na quinta (07), no palco do Teatro Hermeto Pascoal, encerrando com “chave de ouro” a edição 2017 do projeto Sesc das Artes, em Arapiraca.

 

Luciano Falcão, acompanhado pelo violão de Gustavo Bezerra (conhecido como Rolo) e por Cristiano Félix, no Cajon, de forma explicita, desmistificou a gaita como um instrumento mais voltado ao jazz, ao trazer para seu show um repertório que transita e dialoga entre verdadeiros ícones como Beatles, Tom Jobim, Sivuca, Hermeto Pascoal e alagoano Djavan, entre outros nomes da nossa “Terra Brazilis”.

 

O público contagiado pela energia do espetáculo soube “respirar” a leveza e intensidade de cada música e de cada momento, reafirmando, nas entrelinhas do espetáculo, a vocação do Sesc Alagoas como um dos grandes incentivadores de formação de plateia. Que venha a edição 2018 e com ela mais uma grade repleta de artistas incríveis como Luciano Falcão, Gustavo Rolo e Cristiano Félix.

 

 

Projeto Sesc das Artes

 

Em Arapiraca, o projeto realizou oito apresentações no período de julho a dezembro de 2017. O palco do Teatro Hermeto Pascoal recebeu peças de teatro e shows musicais tanto de artistas alagoanos como arapiraquenses.