007a096d f925 47fd 814b e106ba37cf55

Com o propósito de promover uma conversa sobre as conquistas e metas a serem alcançadas pelas pessoas com deficiência em Alagoas, a deputada federal Rosinha da Adefal promoverá, no próximo dia 04 de dezembro, o I Seminário: "Desafios, avanços e conquistas das pessoas com deficiência". A proposta é promover a reflexão dos participantes a cerca conscientização social para a igualdade de oportunidades a todos os cidadãos, assim como a promoção dos direitos .

O Dia Internacional da Pessoa com Deficiência foi instituído pela Organização das Nações Unidas em outubro de 1992, para marcar uma nova década no mundo e uma nova conscientização social referente ao tema.  A partir de então, a cada ano, no dia 03 de dezembro, é estimulada uma reflexão sobre os direitos da pessoa com deficiência, tanto na instância nacional como na municipal. 

Segundo a Organização Mundial da Saúde, com dados de 2011, 1 bilhão de pessoas vivem com alguma deficiência – isso significa uma em cada sete pessoas no mundo. Dessa forma, devido ao crescimento demográfico, aos avanços da medicina e ao processo de envelhecimento, este número está a aumentar. No Brasil, dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) revelam que 21% da população brasileira tem algum tipo de deficiência, considerando os quatro tipos: auditiva, visual, física e intelectual. E em Alagoas, essa média é ainda maior, são 24% de pessoas com algum tipo de deficiência, um número alto. 

Além de Rosinha, o seminário contará com a palestra do paratleta olímpico, Yohansson Nascimento e a Superintendente de Políticas dos Direitos da Pessoa com Deficiência da Secretaria da Mulher e dos Direitos Humanos de Alagoas, Dilma Pinheiro. De acordo com a deputada, a iniciativa tem como propósito pensar a inclusão desse segmento na sociedade, para que influencie cada vez mais programas e políticas positivas para as pessoas com deficiência.

"Sempre acredito que toda e qualquer iniciativa em prol das pessoas com deficiência deve ser prestigiada, mas quero salientar que as políticas desse segmento devem ser feitas diariamente e não só em datas comemorativas. Esse seminário será um momento muito especial onde poderemos conversar com aqueles que realmente fazem a diferença em nossa sociedade, cada um da sua forma especial, mas que não deixam de incentivar as pessoas a seguirem em frente, apesar das adversidades.", disse Rosinha.

O Seminário acontecerá a partir das 9h, no Senac do Poço, e as inscrições são gratuitas e podem ser realizadas através do site: acessibilidade.org.