Antônio Cruz/ABr/Arquivo 7167de05 19fa 45f9 ad3e caf543537b5f Renan Calheiros e Eduardo Cunha

O senador Renan Calheiros (PMDB), que vem subindo o tom do discurso de oposição, afirmou que a nomeação do deputado Carlos Marun (PMDB-MS) para a Articulação Política do governo federal foi uma indicação do ex-presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha, e demonstra “muita cara de pau” do presidente Michel Temer (PMDB).

“Já que queria nomear, ele deveria ter sido mais inteligente... Chega de intermediários! Ele poderia nomear diretamente o Eduardo Cunha para ser ministro da Articulação Política”, ironizou, lembrando que, mesmo preso, o ex-presidente da Câmara continua mandando e montando o governo.

Em discurso realizado ontem, 22, no Senado, Calheiros lembrou o histórico de nomeações que, segundo ele, teriam sido indicadas por Cunha, a quem atribuiu à função de construir a estratégia “da ponte para o retrocesso”.

Em sua fala, o alagoano frisou ainda que os brasileiros estão perdendo tudo por conta do governo Temer, citando como exemplo o corte de programas sociais e o aumento no preço do gás de cozinha