09ca193d afb4 4b98 bcb6 ba5fed1f59bb

Militares do 3º Batalhão da Polícia Militar prendeu um homem e apreendeu um adolescentes acusados de espancar e atear fogo em um homem de 35 anos, que tem transtornos mentais. O crime ocorreu na noite da última quinta-feira (16) no Conjunto Jardin das Paineiras e revoltou os moradores de Arapiraca pela crueldade e covardia. 

A dupla confessou o crime e relatou para polícia que foram motivados por raiva da vítima, que  teve 80% do corpo queimado dentro da própria residência. Segundo testemunhas, durante a tarde a vítima, identificada como Edilson dos Santos Silva, teria sido espancada por dois homens não identificados. 

Horas depois, já no período da noite, os mesmos agressores teriam invadido a casa da vítima, que a amarraram, jogaram gasolina em seu corpo, atearam fogo e fugiram sem deixar pistas.

Desesperado, Edilson saiu com o corpo em chamas e pediu socorro na casa de familiares, que fica próximo. Ao ver o homem em chamas correndo pelo meio da rua, vizinhos jogaram água e conseguiram controlar o fogo.

Luiz Paulo dos Santos, 19 anos, foi localizado em sua residência, qunado se preparava para fugir. O adolescente de 17 anos foi detido e encaminhado para a Delegacia de menores, em Arapiraca. 

Edilson dos Santos continua internado no Hospital de Emergência do Agreste em estado gravíssimo.