4aca58eb dc75 4123 ab21 038c5903ef65

       De acordo com Fernanda Vicente, o abuso emocional acontece de forma gradual e sem que a vítima perceba. Com o passar do tempo, esses padrões abusivos aumentam, fazendo com que a vítima se torne cada vez mais dependente da relação e muitas vezes se isole de amigos e familiares. O abusador utiliza de técnicas que vão desde a negação dos fatos, como “eu não quero ouvir de novo” ou “nada disso aconteceu”, passando pela banalização dos sentimentos da vítima “nossa, como você é exagerada” e “não é motivo para tanto”. O gaslighting (ex: "você está louca), tem consequências desastrosas na vida da pessoa abusada e podem gerar problemas sérios como depressão, isolamento, ansiedade e confusão mental. Confira alguns sinais:

1- Você se priva de algumas coisas por medo de como seu companheiro irá reagir;

2- Você evita tocar em alguns assuntos que considera importantes por medo de uma briga;

3- Você está sempre se desculpando ao seu parceiro;

4- Você frequentemente cria desculpas para justificar o comportamento do seu parceiro para seus amigos e sua família (ou até para si mesma).

5- Você começa a esconder informações dos seus amigos e da sua família para que não tenha que explicá-las ou inventar desculpas.

6- Você não se acha "boa o suficiente" para estar ao lado do seu companheiro

7- Ele faz de tudo para destruir sua autoestima

8- Você sabe que algo está muito errado, mas nunca consegue expressar exatamente o que, nem para si mesma.

9- Você não tem mais controle da sua vida, nem das suas vontades, nem das suas amizades e já não existe mais privacidade.

10-  Vocês possuem um relacionamento sério onde ele te trai e te culpa ou tenta justificar isso (Traição em um relacionamento monogâmico configura-se como um sério fator determinante de adoecimento emocional para quem é vítima).

11- Em algumas brigas ele te "pune" com silêncio ou desprezo

12- Você acha que ele faz um favor em estar contigo e que ninguém irá lhe querer além dele (Aquele clichê que fizeram com que a gente acreditasse: "Ruim com ele, pior sem ele").

13- Ele te faz absurdos e justifica isso em nome do "amor" excessivo que sente por ti. (Amor não maltrata, não machuca, não humilha).

 

Moça, você merece um amor limpo. Há vida após o abuso. Liberte-se!

Foto: Internet/Reprodução

       Carla Perdigão.