Andreza Lima D8a2abee 0a56 4280 a436 3718b7d2a6b5 A situação é triste; passageiros enfrentam sério perigo e dentro do ônibus ninguém aguenta a fedentina do banheiro

Passageiros da empresa de ônibus Real Alagoas, que saíram hoje às 6:15h de Aracaju  para Maceió, estão na bronca com o descaso da companhia. É que o veículo de placa NMG 1106, prefixo 1094, depois de cerca de uma hora de viagem, teve problema mecânico na sua caixa de marcha já no município de Propriá. Detalhe: os passageiros estão correndo o risco de serem assaltados às margens da BR 101, sem nenhum apoio imediato da empresa, visto que a informação que chegou por parte do motorista Osvaldo, é que somente por volta das 14h, é que deve chegar o ônibus  de socorro.  

“É triste a nossa situação por aqui, a maioria de idosos e uma pessoa especial! O banheiro ninguém aguenta de tanta fedentina, pois, desde quando sairmos da Rodoviária de Aracaju, já não havia água na caixa de descarga, uma vergonha! Os passageiros aqui estão correndo para usar o mato para fazer suas necessidades; e como se não bastasse, o perigo de todos nós sermos assaltados por não ter segurança alguma”, disse revoltada a passageira Andreza Lima, atribuindo o absoluto descaso a Real Alagoas, por não ter uma iniciativa urgente, já que o transporte que dará socorro, ao que se sabe, será o que chegará em Aracajú às 11:30h, proveniente de Maceió; e que somente chegará ao local às 14h.

A passageira Andreza Lima, afirmou que o irmão Wendell que mora em Aracaju foi acionado para prestar socorro, onde ela deve reunir mais três passageiros interessados em contribuir com o combustível, a fim de completar o trajeto dos 285 km que separam a capital sergipana da alagoana, num carro particular. “Vou buscar meus direitos junto a Real Alagoas, para que a empresa devolva meu dinheiro; caso não alcance esse objetivo, acionarei  na Justiça”, disse.