31a74f49 f5da 41cf a71e 4803ea82a898

Estávamos eu e Luh partilhando palavras, bebidas e comes econômicos na noite da sexta-feira, 21/10, bairro Moema/SP, quando rasgando a noite aparece Tamires.

Tamires preta,menina bonita, falante do alto dos seus nove anos, vendendo "um chiclete por 3 e três por 5", ou se a "senhora" quiser a caixa toda por trinta reais...
Perguntei a Tamires pela mãe e ela aponta o outro lado da rua e que  o tio estava ali, acompanhando-a no trabalho," (o tio é um pouquinho mais do que uma criança).

 Luh insiste para saber se ela estuda, e a menina  com a sabedoria das ruas se esquiva das respostas.

Tamires tem nove anos, é uma  menina e desenrolada e leitora dos ambientes, adquiriu nas ruas uma maturidade esquizóide.

Aos nove anos, a bela preta Tamires vai fulanizando identidades.

Tamires é preta pelas ruas de São Paulo.

E daí?