Divulgação 7f14edad 66ab 49eb 8485 167a1961bb0c Receita Federal

Cerca de 1.350 contribuintes alagoanos inscritos no Simples Nacional precisam retificar informações para que possam em emitir os PGDAS-D. Os contribuintes foram identificados após uma ação da Receita Federal do Brasil de combate a fraudes.

Esses contribuintes assinalaram indevidamente e sem amparo legal os campos imunidades, isenção/redução - cesta básica e lançamento de ofício no PGDAS-D no período de janeiro de 2013 a junho de 2017 com o objetivo de reduzir ou zerar os valores dos tributos apurados no simples nacional.

Segundo o delegado adjunto da Receita em Maceió, enquanto não for realizada a autorregularização dos PGDAS-D para os quais foram identificadas as irregularidades, esses contribuintes continuarão impedidos de transmitir os PGDAS-D subsequentes.

*com Assessoria