Divulgação 8690b66e b8ca 4957 9836 f29a5c5507b5 Cena do trailer de Thor: Ragnarok

Um dos filmes mais aguardados de 2017, Thor: Ragnarok chegou na sua semana de estreia e deve fazer US$ 100 milhões (algo em torno de R$ 320 milhões) só nos três primeiros dias de exibição nos Estados Unidos. Bilheteria doméstica é a mais importante para os filmes de Hollywood.

A informação partiu do site Variety e contraria a previsão anterior de US$ 90 milhões. Isso se dá devido às criticas extremamente positivas de jornalistas e de pessoas que já tiveram o prazer de assistir o filme previamente. A Marvel espera que o filme domine as bilheterias norte-americanas no início de novembro até a estreia de Liga da Justiça no dia 16.

Ao contrário dos filmes anteriores, Ragnarok vai trazer um novo olhar sobre o herói que vai dividir as telonas com Hulk. Bem mais colorido e divertido, Taika Waititi, diretor do longa, buscou referências das histórias do quadrinista Jack Kirby e do também diretor James Gunn, de Guardiões de Galáxia.

Thor é preso do outro lado do universo, sem o seu martelo poderoso e encontra-se numa corrida contra o tempo para voltar a Asgard e impedir Ragnarok - a destruição do seu mundo e o fim da civilização Asgardiana -, que se encontra nas mãos de uma nova e poderosa ameaça, a implacável Hela. Mas, primeiro precisa sobreviver a uma luta mortal de gladiadores, que o coloca contra um ex-aliado e companheiro Vingador – o incrível Hulk.

A estreia ocorre nesta quinta-feira, 26, e tem Chris Hemsworth como Thor, Tom Hiddleston como Loki,  Mark Ruffalo como Hulk, Idris Elba novamente como Heimdall e Anthony Hopkins aparecerá como Odin. A vilão Hela é vivida por Cate Blanchett e Tessa Thompson é uma das novidades no elenco como Valquíria, enquanto Jeff Goldblum vive o Grão-Mestre.

Confira o trailer: