Assessoria 14073346879543 Omar Coelho em campanha para o Senado

O Podemos oficializou o seu diretório em Alagoas. O comando da legenda fica com o ex-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Omar Coêlho de Mello - que era um dos quadros do Democratas. 

Coêlho disputou o Senado Federal nas eleições passadas pelo Democratas e pretende se candidatar ao mesmo cargo no próximo pleito de 2018. Mas, não é o único nome da legenda com essa pretensão. Também busca esse espaço o vice-presidente do Podemos, Rafael Tenório. 

A legenda já contará com um deputado federal: Cícero Almeida, que deixa o PMDB do senador Renan Calheiros e do governador Renan Filho. 

No cenário eleitoral, o partido ainda não tem grupo definido. O objetivo principal é garantir um palanque à candidatura do senador Álvaro Dias à presidência da República. 

Além de Coêlho e Tenório, passam a fazer parte da direção do Podemos Tutmés Toledo Gomes, Roberto Cordeiro, Gilberto Irineu, Richard Manso, João Carlos da Rocha Basto, Augusto de Oliveira Galvão, Janaína Galeno, Daniel Pimentel e Ana Luzia Cavalcante Manso. 

O nome de Rafael Tenório já tem aparecido em algumas pesquisas eleitorais, ainda que em “situação tímida” quando comparada aos líderes de intenções de votos. Tenório - inclusive - aposta na boa fase do CSA como um “cabo-eleitoral” importante no processo do ano que vem. 

Estou no twitter: @lulavilar