F9cd6e53 1bc8 412c a0b6 44172bebe703
A fruticultura da região do Submédio do São Francisco, na Bahia e em Pernambuco, tem muitos motivos pra comemorar, além do aniversário da cidade, na última sexta-feira, o Ministro dos Transportes Maurício Quintela vai assinar a Certificação da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) e Infraero para o Aeroporto Nilo Coelho, de Petrolina, permitindo o tráfego de aviões cargueiros de última geração para o transporte de cargas à Europa e ao Japão. A certificação operacional de aeroportos é o processo que atesta a capacidade do operador de aeródromo para executar os procedimentos aprovados pela ANAC, visando à garantia da segurança das operações aeroportuárias.
 
Petrolina, que fica no meio do Sertão, banhado pelas águas do Rio São Francisco, solo fértil vem se transformando numa das maiores potências do Brasil; um importante modal para o escoamento da produção agrícola, nos perímetros irrigados do Vale do São Francisco.
 
Estima-se que hoje a março de 2018, mais de 600 voos vão passar pelo Aeroporto Nilo Coelho, a maioria com transporte de carga do único aeroporto brasileiro com estrutura interna de câmaras frias, repletas de toneladas de mangas, uvas e melões.
 
Petrolina será um importante modal a partir da certificação, o transporte por via aérea, ganhará autonomia e as operadores aeroportuários aumentarão a frequência e com aeronaves ainda maiores, com substancial ganho de eficiência, com as operações sendo realizadas com um Boeing 747-800 e não com um 747-400, o que representa um ganho operacional de 45 toneladas.
 
A Cargolux vai aumentar a frequência da atividade regular no Terminal, com aeronave cargueira B746-800, utilizado pela empresa. Agora vamos trabalhar para viabilizar o transporte de toda a mercadoria, concluiu Alexandre Duarte, operador portuário da Fermac. Alexandre vê o aumento das exportações de frutas brasileiras para Ásia e Europa, prevendo o pico da safra – período que começa na primeira quinzena de outubro e vai até a primeira quinzena de dezembro – seis novas operações.