Divulgação 18108705 6bc7 463a babe e9dabcfb377a Arte Pajuçara

Há anos o bairro da Pajuçara possui um dos poucos espaços na cidade voltado para apresentação de peças teatrais, shows, exposições e filmes alternativos que não estão no cenário comercial de outros espaços. Funcionando desde 2013 com o nome de Arte Pajuçara, o local enfrenta dificuldades financeiras para se manter na ativa e lançou uma campanha para arrecadar fundos e também arregimentar patrocinadores.

Apesar do público fiel que frequenta o local há décadas, muito antes do espaço se chamar Centro Cultural Sesi, o patrocínio não tem sido suficiente para arcar com os altos custos para manter o espaço.

Segundo o coordenador do Arte Pajuçara, Marcos Sampaio, a alternativa encontrada para que o Arte Pajuçara não voltasse a fechar suas portas foi lançar uma campanha para arrecadar fundos e também patrocinadores. Mesmo com os problemas financeiros, o local irá manter suas atividades normais.

“Estamos trabalhando em duas linhas. Uma voltada a promover eventos mais emergenciais para arrecadar recursos e outra é uma campanha de sensibilização, a fim de trazer empresas que nos ajudem. Não podemos viver sempre assim. O acúmulo de débitos dos últimos meses agravou a situação. Desde o ano passado estamos sem parceiros grandes, como é o caso da Prefeitura, que está vendo se volta a patrocinar. Mas não temos como ficar esperando. Nossos custos são muito altos”, explicou.

A campanha “Mexeu com arte, mexeu comigo” visa promover apresentações culturais e leilões de obras que estavam expostas e reverter a renda para custear o espaço. O primeiro show aconteceu nesta quinta-feira (21) com shows de Junior Almeida, Renata Peixoto, Edson Bezerra, Jorg, Andréa Laís e Felipe de Vas.

O cronograma segue com um leilão de peças da última exposição feita no local. Segundo Marcos, as pessoas podem ir até o Arte Pajuçara e realizar o lance para cada obra. No próximo dia 28 serão abertos os envelopes com as propostas e os vencedores retirarão os materiais.

“Essa exposição reuniu trabalhos de mais de 30 artistas, dentre eles entre Lula Nogueira, Gustavo Lima, Marta Araújo, Rosivaldo Reis, Reinaldo Lessa, Pedro Cabral, Maria Amélia e Dalton. Cada quadro tem um lance inicial, então as pessoas fazem esse lance e no próximo dia 28 vamos abrir os envelopes”, disse.

Já no dia 29 haverá show com Luiz Pompe, Allan Bastos, Nara Cordeiro, Eliezer Seton, Anderson Fidélis e Igbonan Rocha. Os ingressos custam R$ 20 meia e R$ 40 inteira.

“Esta é a primeira etapa da campanha. Estamos programando fazer outras ações para conseguir mais recursos e também seguiremos realizando ações para captar patrocinadores”, concluiu.