Cortesia internauta 3b78735a 77ef 4a1c 828e 2c275858809b

De acordo com noticia veiculada no Portal Traipu Noticias, estudantes da rede municipal de Traipú, residentes na zona rural do município chegam a percorrer 13 Km para chegar a unidade de ensino na sede do município da cidade ribeirinha. Os estudantes e pais de alunos pediram ajuda ao portal local na busca de uma solução para o problema falando da dificuldade enfrentando estradas vicinais lamacentas, esburacadas para chegar a unidade de ensino.

Nas três comunidades rurais, há exemplos de superação e força de vontade, destacando-se o jovem Clebsom Farias, atualmente cursando Direito na Universidade Federal de Alagoas (UFAL) em Maceio. Um dos que enfrentaram esses obstáculos e dificuldades muitas das vezes, correndo riscos durante a noite. A cidade de Traipu é administrada pelo prefeito Eduardo Tavares (PSDB).

Secretário nubnicipal de Educação emite nota

“A Secretaria Municipal de Educação de Traipu, por meio do secretário Cristiano Machado Tavares, informa que está à disposição dos alunos, professores e funcionários em geral, sempre com o objetivo de garantir as condições necessárias ao pleno desenvolvimento humano em Traipu.

Em relação à matéria, sobre as crianças que precisaram se deslocar caminhando até a escola, informamos que a Secretaria de Educação somente tomou conhecimento desse fato por meio da imprensa, e, estranhamente o setor de transporte não foi procurado, o qual tem liberdade para resolver esses pequenos problemas que surgem por conta de fenômenos da natureza, como foi a cheia do Rio Traipu, que devido ao inverno prolongado, tem impedido o trânsito de veículos e pessoas entre uma margem e outra.

Comunicamos que não é recomendado a passagem pelo Rio Traipu, quando o mesmo está cheio, pois tal ato de imprudência pode custar a vida das pessoas. Diante disso, lembramos que as aulas sempre poderão ser repostas, mas a vida é uma só e deve ser preservada. Portanto, em caso de cheias do Rio Traipu, solicitamos aos professores, alunos e pais de alunos que entrem em contanto com a Secretaria Municipal de Educação, para desta forma, adotarmos a solução mais adequada para os problemas de transporte.

Informamos ainda que na quinta-feira, 24 de agosto de 2017, a Secretaria de Educação tomou conhecimento das condições das estradas que estavam impedindo o transporte dos alunos, quando solicitamos à Secretaria de Obras o conserto, que foi realizado prontamente, no entanto, voltou a chover na região, causando novos estragos na estrada, mas que foi, novamente, resolvido. Desde já, agradeçemos, ao tempo que nos colocamos à disposição.

Cristiano Machado Tavares
Secretário Municipal de Educação”.