993aeb7c 32e6 4417 9d7d 032e409c8034

 

 

A Assembleia Legislativa de Alagoas realizou nesta quinta-feira, 31, uma audiência pública para discutir a situação das grotas de Maceió. O debate foi de iniciativa do deputado Ronaldo Medeiros (PMDB) e buscou soluções que melhorem a qualidade de vida da população nas 76 grotas existentes na capital. A sessão foi presidida pelo autor da proposta e contou com as presenças do vereador por Maceió, Eduardo Canuto, de representantes dos governos estadual e municipal, além de lideranças comunitárias e moradores das grotas maceioenses.

O deputado observou a audiência é mais uma ação do Parlamento no sentido de se aproximar da sociedade, procurando ouvir suas necessidades e buscando meios para resolver as questões apresentadas. De acordo com Medeiros, as grotas da capital têm recebido uma série de melhorias, mas reconhece que ainda há muito a ser feito e que a audiência foi mais uma ação do Parlamento neste sentido.

"O movimento das grotas nunca recebeu tanta atenção do Governo do Estado como vem acontecendo atualmente e, mesmo assim, ainda é pouco, haja vista o esquecimento de décadas e pelas demandas que ainda existem hoje. Eu, que ando pelas grotas, vejo no olhar das pessoas que elas voltaram a acreditar no Poder Público e a entender que mudar aquela realidade é possível, graças a este belo programa de humanização do governo do Estado”, destacou.

O presidente do Movimento de Humanização das Grotas, Robson Lima, disse que as 76 grotas existentes em Maceió, que comportam uma população de aproximadamente 250 mil habitantes, estão distribuídas nos bairros Benedito Bentes, Jacintinho, Feitosa, São Jorge, Chã da jaqueira, Bebedouro, Cruz das Almas, Jacarecica, Novo Mundo e Serraria. Robson falou também que a audiência pública deu oportunidade para mostrar o mapeamento dos problemas mais críticos dessas áreas.

“Atualmente temos obras em 24 grotas e as famílias que moram nelas vivem com mais tranquilidade. Os acessos estão sendo feito, porém, o que essas pessoas necessitam mais do Poder Público é a questão do saneamento básico, porque temos muitos esgotos a céu aberto, causando diversos tipos de doenças aos seus moradores. Além disso, precisamos de moradias. São essas as nossas maiores reivindicações no momento”, destacou Robson Lima.

Ao final da audiência, o deputado Ronaldo Medeiros, que também é líder do Governo na Assembleia Legislativa, agradeceu a todos os presentes, disse que ficou atento às reivindicações apresentadas e que, a partir de agora, irá preparar um documento para encaminhar ao Executivo e à Prefeitura de Maceió, contendo todas as questões apresentadas na sessão.