Foto: Secom 66b3f60e 2940 4ad6 ab56 7d538d3cc17d O prefeito Rui Palmeira coordena trabalho da força-tarefa

Cerca de 469 famílias que estão desalojadas ou desabrigadas em Maceió e foram atendidas pelas equipes de Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas). Uma força-tarefa será realizada neste domingo (28), coordenada pelo prefeito Rui Palmeira, para atuar no socorro às comunidades atingidas pelas chuvas em Maceió. O prefeito também visitará pontos da cidade atingidos pelo temporal.

Ao todo, nestes dias de chuva, foram registrados 123 deslizamentos de barreiras, 77 ameaças de quedas de árvores, quatro óbitos e quatro desaparecidos. Outras 35 vítimas foram atendidas e encaminhadas para unidades hospitalares, sendo que uma permanece internada.

“Estamos todos mobilizados. Ontem mesmo, em Brasília, já mobilizamos o Exército e diversos Ministérios, como o das Cidades, da Integração, dos Transportes, do Turismo e a própria Presidência da República. Estamos pessoalmente acompanhando os trabalhos que envolvem todos os órgãos municipais”, afirma Rui Palmeira.

O prefeito destacou as parcerias firmadas e agradece o apoio dos órgãos e instituições que se juntaram à Prefeitura para atendimento às famílias atingidas pelas chuvas.  

“Estamos contando com as parcerias do Corpo de Bombeiros, a Defesa Civil Nacional já está em Maceió, o Exército já liberou cem homens para nos ajudar e agora, o foco é fazer as evacuações nas áreas de mais risco, retirar as pessoas, que infelizmente permanecem em áreas de extremo risco. Nossa meta é inicialmente, pagar o aluguel social para elas, cadastrá-las no programa Minha Casa, Minha Vida e até o final do ano, buscar uma nova moradia para essas famílias”, destaca.

Segundo o prefeito, a força-tarefa permanecerá mobilizada até que a situação esteja estabilizada “A força-tarefa atuará até quando for necessário. Vamos, na próxima semana, continuar nesta ação, buscando atender as famílias desabrigadas e recuperar as áreas da cidade afetadas. Vamos intensificar a recuperação de vias, a limpeza, a conservação e a iluminação da cidade, buscando restaurar a normalidade, tão logo cessem as chuvas”, afirmou Rui Palmeira.

*com Secom Maceió