Esdras Mazoni/Revista Municipal Af57ea16 2476 4a55 9379 476c42e68df9 Ex-Prefeito Celso Luiz

O secretário de Estado de Ressocialização e Inclusão Social, tenente-coronel Marcos Sérgio Freitas, atendeu a determinação do juiz José Braga Neto, da Vara de Execuções Penais para a transferência do ex-prefeito de Canapi, Celso Luiz e os ex-secretários, Carlos Alberto dos Anjos Silva e Jorge Valença Neves Neto para uma ala afastada de integrantes de facções criminosas. A informação foi confirmada pelo secretário da Seris na manhã desta segunda-feira (15).

O juiz Braga Neto atendeu ao pedido da defesa dos acusados que alegava falta de estrutura no xadrez da Casa de Custódia e um ambiente insalubre. Os três não possuem nível superior e por lei, devem permanecer em celas comuns.

Segundo o coronel, a secretaria está cumprindo a ordem judicial e informou que os acusados foram transferidos do Cadeião para o Cyridião Durval, onde dividem o espaço com mais 46 reeducandos.

A assessoria de comunicação da Seris informou que os três estão como “qualquer outro interno e que não possuem tratamento diferenciado”.

Leia Mais: Pena de Celso Luiz por esquema em Canapi pode chegar a 44 anos, diz PF