Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil 55607421 cd04 48aa 8098 48a131ec9b00 Rodrigo Janot e Renan Calheiros durante encontro no Senado

O Jornal O Globo, em matéria do jornalista André Souza, traz a informação que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu o arquivamento de uma queixa-crime apresentada pelo deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS) contra o senador Renan Calheiros (PMDB-AL) pelos crimes de calúnia, difamação e injúria.

Onyx processou Renan em razão de declarações dadas em 1º de dezembro, quando o senador disse que o nome de deputado parecia nome de chuveiro e que pesava sobre ele a acusação de ter recebido recursos de caixa dois. Janot entendeu que Renan está protegido pela imunidade parlamentar para manifestação de seu pensamento.

 A decisão caberá ao ministro Edson Fachin, relator do caso no Supremo Tribunal Federal