Divulgação 21f51d10 6f5f 424b 97b7 3bd935102ca4 Aplicativo "Hand Talk" permite aos deficientes auditivos lerem através do sinal de libras.

Garantir a transparência e o direito de acesso à informação para toda população é uma das diretrizes da atual gestão do Governo de Alagoas. Com esse intuito, o Instituto de Tecnologia em Informática e Informação do Estado de Alagoas (Itec) implantou, em seu site oficial, a plataforma de tradução de textos para a língua de sinais (Libras), Hand Talk.

A partir desta sexta-feira (29), todas as matérias do site do Instituto de Tecnologia poderão ser traduzidas rapidamente para a língua de sinais. A plataforma funciona 24 horas, os sete dias da semana.

Desenvolvido por alagoanos em 2012, o aplicativo Hand Talk vem ganhando espaço no mercado nacional, como um tradutor que converte automaticamente conteúdos em português para Libras, seja ele digitado, falado ou até fotografado.

Para utilizar a ferramenta basta clicar no lado direito do canto da tela, em cima do ícone acessibilidade. Ao selecionar o texto da página, automaticamente o simpático Hugo, interprete virtual, traduz o conteúdo para Libras.

Libras é a língua brasileira de sinais que os surdos usam para se comunicar. É a segunda língua oficial do Brasil e a mais usada pelos deficientes auditivos no país.

No Brasil, ¼ da população possui algum tipo de deficiência. Destes, 5% possuem algum tipo de deficiência auditiva e, entre eles, 70% não sabem a Língua Portuguesa, tendo apenas a Libras como fonte de informação.

Para o diretor-presidente do Itec, Luciano Júnior, toda iniciativa de aliar a tecnologia na melhoria dos serviços prestados pelo Estado em beneficio da população é fundamental para aproximar cidadão e governantes.

“A implantação do Hand Talk é uma oportunidade aos cidadãos surdos de terem acesso a toda informação publicada online pelo órgão. De forma transparente poderão acompanhar todos os serviços que estamos prestando aos órgãos e secretarias” concluiu Luciano Júnior.