Diulgação 8e0603ac 962b 4394 8871 3631db7f4eb2

Apesar de parecerem inofensivos, os chás que prometem auxiliar no processo de emagrecimento podem trazer prejuízos para a saúde, inclusive atrapalhando no tratamento de doenças crônicas. Em entrevista, a nutricionista Mirella Freire esclarece algumas dúvidas e orienta sobre a melhor forma de consumi-los. Confira!

Quais cuidados devem ser tomados antes de tomar chás que prometem emagrecer?
Antes de consumir, é importante uma avaliação nutricional e clínica,  pois o uso indiscriminado de determinadas plantas medicinais pode trazer efeitos nocivos ao organismo humano, ou ter propriedades que podem atrapalhar no tratamento de algumas doenças. O chá, por si só, não trará resultados, mas associado a um processo de reeducação alimentar poderá auxiliar o emagrecimento, principalmente para aquelas pessoas que possuem retenção de líquido ou metabolismo lento além de proteger as células contra ação dos radicais livres.

Qualquer pessoa pode tomar qualquer tipo de chá?
Não. Algumas patologias podem ser agravadas com uso inadequado de chás. Existem algumas substâncias presentes em algumas ervas que podem, por exemplo, interagir negativamente com certos medicamentos empregados no tratamento de doenças crônico-degenerativas, como diabetes e hipertensão, prejudicando dessa forma o processo terapêutico. Há casos em que esses elementos alteram o metabolismo do medicamento, fazendo com que ele perca a eficácia ou mesmo se acumule no organismo do paciente.  

Que problemas podem ser causados pelo excesso de consumo de chás?
Depende da quantidade e do tipo de chá ingerido. Acima de cinco xícaras de chá verde, por dia, por exemplo, a diurese aumenta e o corpo perde água e eletrólitos. O ideal é no máximo três xícaras de chá verde ou branco, por dia, aliando a outros líquidos como água e sucos.

Podemos confiar em tudo que chega às lojas?
Os chás solúveis possuem o princípio ativo sim, mas eles também possuem outros componentes, como adoçantes e conservantes. Isso pode atrapalhar a função primordial do chá, que é a de desintoxicar e "limpar" o organismo. Então sempre sugiro usar a erva e não o solúvel. E sempre sugiro usar a folha e não o saquinho.
​​
Alguma dica de chá para quem quer dar uma forcinha para a perda de peso?
Os chás branco, verde e hibisco. Aceleram o metabolismo e contêm polifenóis e flavonóides, que são antioxidantes que ajudam a proteger as células do corpo contra a ação dos radicais livres. Além disso, são fontes de vitaminas, como: C, K, B1 e B2. 

Qual o melhor método de preparo?
Por infusão, que é o modo tradicional utilizado para folhas e flores. Nesse processo, basta colocar a planta em um recipiente, acrescentar a água fervente e deixar tampado por cerca de cinco minutos. Depois, é só coar e servir.