Com cerca de 6% da carga total de ingressos para o clássico deste domingo, os torcedores do Santos entraram em conflito com corintianos e com a Polícia Militar após a partida, realizada no Pacaembu.

A PM interveio para apartar o confronto entre santistas e corintianos posicionados nas numeradas descobertas do estádio. Apenas um alambrado separava o setor da arquibancada visitante.

Em um camarote do Pacaembu, o presidente Marcelo Teixeira também foi alvo de objetos arremessados pela torcida do Santos.