Tentativa de afastar João Lyra é “extrema e desesperada”, diz nota

Foto: Agência Câmara/Arquivo 651c545c f209 433c a80a fd3099cf47e0 João Lyra

Uma nota de esclarecimento com o título “João Lyra refuta tentativa de afastá-lo do controle da massa falida da Laginha” chamou a atenção na edição do jornal Tribuna Independente deste fim de semana.

Embora não seja assinado, o texto que ocupa quase meia página do impresso, destaca, logo em seu início, que “os profissionais que atuam na assessoria do empresário” veem as últimas ações empreendidas pelos filhos de João Lyra - visando afastá-lo da representação legal do grupo, hoje em regime falimentar -, como uma iniciativa “extrema e desesperada”, que não traduz a realidade dos fatos.

Ainda segundo a nota, a situação do grupo, embora prejudicada por iniciativas equivocadas, caminha no sentido da estabilização.

“Ninguém é melhor fiscal de seus bens que aquele que os construiu ao longo de toda uma vida”, diz o advogado Rodrigo Costa Barbosa, em trecho da nota, ressaltando ainda sobre os créditos tributários federais que o grupo tem direito, estando R$ 700 milhões em vias de liberação.

O texto lembra também que o conflito familiar começou em 2015, quando os filhos de JL ingressaram com uma ação na Vara da Família da Capital pedindo a interdição do empresário, sob o argumento que ele estaria agindo em prejuízo do patrimônio.

“Lyra, ao que consta, não só conseguiu invalidar essa ação como comprovar junto à Justiça sua plena capacidade mental através de laudo de especialistas”, frisa a nota.

Em reportagem publicada na semana passada, o jornal Extra Alagoas destaca a existência de um novo laudo pericial atestando a senilidade do empresário e qualificando-o como incapaz de praticar atos da vida civil.

Na manhã desta segunda-feira, 18, o deputado federal e pré-candidato a prefeito de Maceió, Cícero Almeida (PMDB), apelou para que os amigos não deixem João Lyra só neste momento e criticou aqueles que viraram as costas para o empresário.

Seja qual for o desfecho, já é de uma melancolia sem fim.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Senado abre consulta pública sobre projeto similar à Lei Escola Livre

Foto: Divulgação E06441e9 03ae 4cfe 98bf e5f040088301 Senador Magno Malta

O Senado Federal abriu, em sua página oficial, consulta pública para ouvir os internautas acerca do PL 193/2016, que inclui entre as diretrizes e bases da educação nacional o Programa Escola Sem Partido.

O projeto é parecido com a proposta que deu origem a Lei Escola Livre, sancionada recentemente em Alagoas e alvo de questionamentos no Supremo Tribunal Federal (STF).

Até por volta das 15h desta segunda-feira, 18, mais de 80 mil votos já haviam sido computados, demonstrando que as opiniões estão divididas em relação ao assunto, com mais de 42 mil votos contrários e mais de 38 mil favoráveis ao PL, de autoria do senador Magno Malta (PR/ES).

Em linhas gerais, a matéria defende a neutralidade do ensino, coibindo a doutrinação ideológica nas salas de aulas.

Outros projetos parecidos tramitam na Câmara dos Deputados, em assembleias legislativas e câmaras municipais de todo o País.

Para participar, basta acessar o link: https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaomateria?id=125666

O PL na íntegra pode ser conferido aqui:

file:///C:/Users/Windows7/Downloads/sf-sistema-sedol2-id-documento-composto-53013.pdf

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Em Maceió, Renan Calheiros reúne pré-candidatos peemedebistas

Foto: Agência Senado/Arquivo 22f74217 2fe9 4da0 9fe8 8248a2b9cc75 Senador Renan Calheiros

O senador Renan Calheiros (PMDB) aproveita o recesso do Congresso Nacional também para estar mais próximo de suas bases em Alagoas. Na próxima segunda-feira, 18, ele se reúne, em Maceió, com os pré-candidatos a prefeito, vice e vereador pelo partido no pleito de outubro.

O encontro acontece às 9h, no Hotel Ritz Lagoa da Anta.

Segundo a assessoria de Comunicação do PMDB, na ocasião serão discutidos assuntos como prestação de contas e orientações jurídica e contábil sobre o período eleitoral. Os pré-candidatos terão também uma aula ministrada por membros da Fundação Ulysses Guimarães (FUG), órgão de estudos do partido.

O PMDB trabalha para manter – ou superar – o quadro atual, onde tem o maior número de prefeitos, vice-prefeitos, vereadores e deputados estaduais em Alagoas.

Entre as apostas mais altas do partido, estão o deputado federal Cícero Almeida, candidato a prefeito por Maceió, e o deputado estadual Ricardo Nezinho, candidato em Arapiraca.

Em ambos os casos, até o momento as pesquisas mostram que a disputa será acirradíssima.

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Campestre: MP opina por prosseguimento de concurso público

Divulgação 1327676525campestre Cidade de Campestre

Em ofício encaminhado ontem, 14, ao procurador geral de Campestre, o promotor de Justiça Adriano Jorge Correia, da Promotoria de Justiça de Porto Calvo, recomendou o prosseguimento do concurso público de Campestre, que foi questionado junto ao Ministério Público Estadual (MPE/AL).

No documento, o promotor destaca que não há, até a presente data, qualquer obstáculo que impeça a realização do certame.

O concurso disponibiliza 77 vagas nos níveis fundamental, médio e superior, com salários até R$ 3.500.

O edital completo pode ser conferido no link:

http://www.master-al.com.br/web/files/campestre2016/Edital%20Candidato%20Campestre_08_03_16.pdf.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Balanços e despedidas no Congresso Nacional

Foto: Agência Senado/Arquivo Ad879dbc a321 400c a269 292fad23635a Renan Calheiros

As sessões de ontem, 13, no Senado e na Câmara dos Deputados foram marcadas pela escolha do novo presidente da Casa legislativa, pela despedida de Waldir Maranhão (PP/MA) de sua breve e polêmica gestão e por um balanço feito pelo senador Renan Calheiros (PMDB).

Enquanto na Câmara o interino afirmou que deixa a cadeira - que ocupou de forma “indesejada e inesperada” – segundo ele mesmo disse, “sem mágoas, nem rancores”, no outro lado, Calheiros fez um balanço das principais matérias aprovadas no primeiro semestre no Senado e uma perspectiva pós-recesso.

Ao destacar que a Casa não paralisou suas atividades, mesmo diante da “severa” crise econômica e política do País, o presidente deixou a modéstia de lado: “O Senado tem sido o esteio de temperança, sobriedade e estabilidade no momento atual de nossa República”.

Calheiros também anunciou a pauta prevista para agosto, que inclui deliberações sobre o novo Código Penal, autonomia do Banco Central e regulamentação da terceirização, e a previsão, para o final do mês, da sessão de julgamento final do processo de impeachment contra a presidente afastada, Dilma Rousseff (PT).

Sem fazer ligação direta entre os assuntos, o presidente do Senado comentou ainda que já é possível perceber sinais de recuperação da grave crise política e econômica, com expectativa de crescimento da ordem de 2% do PIB para 2017.

Aguardemos que agosto não seja – mais um – mês de desgosto para os brasileiros.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Coruripe: inscrições para concurso com quase 300 vagas terminam dia 16

Ilustração 13959211702954 Concurso Público

Termina neste sábado, 16, o prazo para inscrições no concurso público para provimento de quase 300 cargos nos níveis fundamental, médio e superior na Prefeitura Municipal de Coruripe.

A empresa responsável pelo certame, Master Consultoria Educacional, alerta que, embora o pagamento da taxa possa ser efetuado até o dia 18, tanto as inscrições quanto a emissão de boletos – inclusive segunda via – só serão realizados até o dia 16.

As taxas de inscrição variam entre R$ 40 e R$ 100 e os salários, entre R$ 880 e R$ 6 mil.

Há vagas para motorista, auxiliar de serviços gerais, agente administrativo, agente de trânsito, técnico em informática, analista de sistemas, assistente social, pedagogo, professor, médico, psicólogo, entre outros.

O edital completo, com os cargos oferecidos, número de vagas e o conteúdo exigido nas provas, pode ser conferido na página eletrônica www.master-al.com.br.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Alagoano integra comissão que analisa medidas contra a corrupção

Foto: Divulgação 79999b33 0970 4b08 87d3 ef795b565223

O deputado federal JHC (PSB) é o único alagoano a integrar, como membro titular, a Comissão Especial que irá analisar as medidas de combate à corrupção propostas pelo Ministério Público Federal (MPF).

Por meio de suas redes sociais, o parlamentar agradeceu a indicação do partido e disse que, agora o legislativo deve mostrar que representa os milhões de brasileiros que apoiam as medidas e querem mudanças na atrasada legislação do país.

O deputado federal acrescentou que a corrupção corrói empregos, economia e instituições, não podendo, portanto, ser tratada como “roubo comum”.

Composta por 60 membros, sendo 30 titulares e 30 suplentes, a comissão que irá apreciar o Projeto de Lei (PL) 4850/2016 – que reúne as medidas propostas -deve ser instalada às 14h desta quarta-feira, 13.

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Mais de 80% dos brasileiros são contra aumento de impostos

Foto: Ilustração 9c1d6bd5 3691 4717 9709 27fdec65c64f

Pesquisa realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), em parceria com o Ibope, divulgada nesta terça-feira, 12, aponta que 81% dos brasileiros são contra aumento de impostos, sob a alegação de que o governo já arrecada muito.

O percentual não surpreende, exceto pelo fato de que deveria ser maior, principalmente levando-se em consideração os demais dados obtidos no estudo.

Para 84% dos entrevistados, os impostos são elevados ou muito elevados e 73% são contra o retorno da CPMF.

O número dos que consideram os impostos muito elevados no País saltou de 44% em 2010 para 65% em 2016.

Já os que afirmam que os impostos aumentaram muito nos últimos anos quase dobraram: de 43% em 2010 para 83% este ano.

Para 80% dos entrevistados, o governo deve reduzir despesas para diminuir os déficits orçamentários.

Outro ponto interessante avaliado na pesquisa é que, quanto menor a instância de governo, maior a percepção da população de que o dinheiro público é bem utilizado: 83% consideram que os recursos federais são mal utilizados ou muito mal utilizados; o percentual cai para 73% quando se analisa o orçamento estadual e para 70% em relação ao municipal.

(Com Agência Brasil)

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Sorriso "perfeito" no topo dos desejos adiados pela falta de dinheiro

Foto: Ilustração/Internet E79cc4ec c4eb 4fce 9c4c baeed15a75b6

Segundo um levantamento realizado pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), a realização de tratamentos dentários e as compras de roupas e calçados estão no topo dos desejos adiados pelos brasileiros por falta de dinheiro.

A pesquisa que ouviu 790 consumidores de ambos os gêneros e todas as classes sociais, nos 27 estados, mapeou o mercado de beleza a partir do consumo.

De acordo com o estudo, o clareamento dos dentes parece em primeiro lugar (21%) entre os produtos ou procedimentos estéticos mais desejados que não foram adquiridos por falta de dinheiro, seguido da compra de roupas, calçados e acessórios (16,4%) e da colocação de porcelana nos dentes (15,8%).

Em resumo, o brasileiro espera a poeira da crise baixar para exibir – literalmente - um sorriso mais bonito.

A pesquisa completa pode ser acessada no: https://www.spcbrasil.org.br/pesquisas.

 

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Fábio Palmeira quer trocar o Parque pela Câmara

Foto: Divulgação/Arquivo Bd7836cd c94b 4723 bbe9 d82c2d8b9fed Fábio Palmeira

Tida como especulação até o começo do ano, está confirmada a pré-candidatura do ex-coordenador do Parque Municipal, Fábio Palmeira (PSDB), a uma cadeira na Câmara de Maceió.

Além de Palmeira, outro nome da Secretaria Municipal de Proteção ao Meio Ambiente (Sempma) – o ex-secretário David Maia (DEM), hoje à frente da Slum – era dado como certo no pleito de outubro, mas o gestor aceitou o convite do prefeito Rui Palmeira (PSDB) para jogar em outra posição.

Com isso, em tese, os frutos do Meio Ambiente não precisarão mais ser repartidos.

Em sua primeira incursão como candidato, Fábio Palmeira aposta no que classifica de “busca pelo processo de renovação”, para que a sociedade não fique refém dos mesmos representantes.

Como “cartão de visitas”, ele confia ainda no trabalho de gestão que resultou na revitalização do Parque Municipal.

Fábio conta também com outro reforço de peso: o apoio do prefeito.

Mas, sobre isso, mantém a discrição.

O pré-candidato é filho do ex-vereador Virgílio Palmeira, presidente do diretório tucano na capital.

Leia também:

Meio ambiente pode render frutos na Câmara de Maceió

David Maia: de candidato a 100% soldado

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.
Comercial (82) 3313.6040 (82) 99812.2189 comercial@cadaminuto.com.br
Redação (82) 3313.2162 (82) 99664.2221 cadaminutoalagoas@hotmail.com