Projeto de leitura “Arapiraquinhas” foi abandonado na gestão de Rogério Teófilo

0fe1eb5d b2bb 48ef 8318 6b99762c69be

Com o objetivo de estimular e incentivar a leitura entre as crianças e jovens, a Prefeitura de Arapiraca, por meio da Secretaria Municipal de Educação, implantou, no ano de 2010, na gestão do ex-prefeito, Luciano Barbosa (PMDB) o projeto das bibliotecas públicas digitais de bairros, carinhosamente denominadas de “Arapiraquinhas”. Inicialmente o projeto foi implantado no bairro Jardim Esperança e pela sua importância para a educação foi implantado em outros bairros da periferia de Arapiraca.

A primeira unidade foi inaugurada em agosto de 2010, para atender alunos e moradores do bairro Jardim Esperança. A segunda “Arapiraquinha” foi inaugurada em agosto de 2011, no bairro Novo Horizonte. As demais foram implantdas em outros bairros, a exemplo da  Arapiraquinha Professora Neuza Gomes da Silva Nascimento Praça Antônio Oliveira da Silva, s/n Jardim Esperança,  Arapiraquinha Professor Erasmo Soares de Araújo Praça Walfrido Oliveira Lima, s/n Primavera.

Arapiraquinha Professor Miguel Valeriano, Praça Antônio Barbosa Rua, José Aranda, s/n, Novo Horizonte   Arapiraquinha Claudenice de Oliveira Pimental, Praça Antônio Juvino da Silva, s/n Canaã.  Arapiraquinha Professor Aluizio Gomes Barbosa Rua Salvelina Leite, s/n Planalto.  Arapiraquinha Profª Maria Magdalena Filha, Praça Higino Vital Barbosa, s/n Canafístula. As Arapiraquinhas foram construídas com recursos proprios do município.

Rico acervo

Cada biblioteca digital de bairro passou a contar a partir da implantação, de um acervo com três mil títulos, incluindo livros contendo a história de Arapiraca, bem como de periódicos, acervos em braile para leitura de pessoas portadoras de deficiência visual, além de salas de acesso à internet com nove computadores em cada uma delas contendo CDs, DVDs, mapas, jogos e bebeteca para abrigar recém-nascidos a partir de seis meses de vida.

Com o  sucesso da iniciativa, outras comunidades passaram a receber as bibliotecas digitais de bairro, a exemplo da implantação da terceira unidade, no Povoado Canaã, e da quarta unidade, no bairro Canafístula e a Arapiraquinha, que funciona no bairro Planalto. No início da gestão da prefeita Célia Rocha, no ano de 2013, a cidade ganhou mais duas Arapiraquinhas, sendo uma na Vila São José e outra no Povoado Bananeiras.

Projeto despertou interesse da Ufal e Uneal

O projeto das Arapiraquinhas como biblioteca digital e incentivo à leitura despertou  a atenção de professores e alunos da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) Universidade Estadual de Alagoas (Uneal) e até de pesquisadores da Faculdade de Ciências da Administração de Pernambuco (FCAP) e da Fundação Bill Gates, as bibliotecas públicas digitais de bairro. Atualmente abandonadas, cercadas de lixo por todos os lados, a exemplo da unidade do bairro Planalto e do bairro Primavera.

Na época, a coordenadora das Arapiraquinhas, professora-mestra Eliane Bezerra, e sua equipe de trabalho foram convidadas para dar palestra na Faculdade de Ensino Regional Alternativa (Fera). A iniciativa na época, partiu da professora Luciana Monteiro, que lecionava a disciplina Metodologia de Ensino da Língua Portuguesa, juntamente com um grupo de alunas do curso de Pedagogia da instituição.

Pesquisador pernambucano elogiou o projeto

O renomado pesquisador pernambucano e Doutor em Transferência de Informação, Bibliotecas Públicas e Empresariais, Adalberto do Rêgo Maciel, visitou, na manhã desta terça-feira (14), a cidade de Arapiraca, para conhecer de perto o projeto das bibliotecas digitais de bairros- as conhecidas Arapiraquinhas.

Mestre em Economia pela Universidade da Pensilvânvia, nos Estados Unidos, e professor da Faculdade de Ciências da Administração de Pernambuco (FCAP), Adalberto do Rêgo Maciel, esteve reunido com a secretária municipal de Educação, Ana Valéria Peixoto,. Em seguida, o renomado pesquisador visitou as Arapiraquinhas instaladas nos bairros Novo Horizonte, Primavera e, também, a biblioteca digital do Canaã, na zona rural do município.

Na época, a coordenadora das Arapiraquinhas, professora-mestra Eliane Bezerra apresentou a história da criação das bibliotecas digitais de bairro, no ano de 2010, durante a gestão do ex-prefeito Luciano Barbosa atualmente vice-governador e secretário de Estado da Educação, foram implantadas seis unidades, nos bairros Jardim Esperança, Novo Horizonte, Canafístula, Primavera, comunidade rural de Canaã, e bairro Planalto.

“Papo de leitura”

Nas Arapiraquinhas, dezenas de alunos e alunas das Escolas de Tempo Integral participavam ativamente no horário da manhã  do lançamento do projeto “Papo com Leitura”. As atividades de incentivo à leitura e à escrita foram desenvolvidas na biblioteca digital Arapiraquinha Professora Neuza Gomes, cujo prédio foi reformado e revitalizado pela gestão da prefeita Célia Rocha e Yale Fernandes.

Abandonadas e depreciadas pelo tempo e a ação de vândalos

Atualmente as Arapiraquinhas estão abandonadas, desde o final da gestão da então prefeita Célia Rocha e nesses dez meses da gestão do prefeito Rogério Teófilo (PSDB).  Além da depreciação pela ação do tempo, as bibliotecas digitais não contaram com Guardas Municipais e passaram a ser alvo da ação de arrobamento e depredação dos imóveis públicos.

Vereador reivindicou reforma da unidade do bairro Planalto

O vereador Fábio Henrique (PCdoB) em sessão ordinária da Câmara Municipal encaminhou à prefeitura de Arapiraca uma reivindicação  no qual solicita do prefeito Rogério Teófilo a limpeza da maioria das praças da cidade, além da reforma da Biblioteca Pública do Planalto, a Arapiraquinha. De acordo com a solicitação do parlamentar, é necessário que a prefeitura ‘abra os olhos’ para a comunidade em geral que vê suas principais praças em situação total de abandono do poder público municipal.

Secretária diz que abandono está relacionado a mudança de gestão

A idealizado do projeto de leitura Arapiraquinhas, Ana Valéria Peixoto, afirmou que é muito triste e lamentável o abandono de um projeto de incentivo a leitura ser abandonado. Para a educadora, o problema está relacionado a mudança de gestão. Explicou que são oito Arapiraquinhas sendo que três foram construídas na gestão da ex-prefeita Célia Rocha.

O projeto de leitura para Ana Valéria, tinha foco nas crianças e nos pais de alunos que tinham participação nos encotros Papo com Leitura. Nesse projeto existia um resgate da nossa cultura popular das nossas tradições culturais com a apresentação dos mestres da cultura resgatando as tradições, a história e o rico folclore para as crianças e adultos. “E uma grande insensatez abandonar um projeto tão importante de incentivo a leitura”, lamentou Ana Valéria.

Arapiraquinha da Nova Esperança não oferece nenhuma estrutura

A Arapiraquinha do Bairro Nova Esperança está aberta ao público no horário das 8 as 12 h e das 14 as 17 h. No local não tem água e a energia é deficiente. O ar condicionado não funciona. A unidade é frequentada pelos alunos da Escola Municipal Claudecir Bispo, conta com 11  computadores mas sem sinal da internet.

Nota da Prefeitura de Arapiraca

A nova gestão da prefeitura recebeu as Arapiraquinhas com diversos problemas estruturais, que até o momento não foram resolvidos por causa de irregularidades junto as empresas responsáveis pela manutenção desses locais. Tais empresas sofreram distrato de seus contratos e responderão judicialmente pelo não cumprimento do que foi previamente acordado. Apesar disso as Arapiraquinhas estão funcionando de forma parcial, a exemplo da unidade presente no bairro Planalto,que é constantemente utilizado pela comunidade e por alunos da Escola Municipal João Batista

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Moradores do Bom Sucesso estão insatisfeitos com mudança de UBS em Arapiraca

F63acc3b e8f4 4cf0 9029 2eadc625f857

Moradores do conjunto Residencial Nossa Senhora Aparecida, no bairro Bom Sucesso, estão revoltados após a decisão da Prefeitura de Arapiraca através da secretaria de Saúde de transferir o atendimento médico para outra localidade. 

As pessoas residentes no conjunto, estão inconformados com a decisão de atendimento  novo Posto de Saúde, localizado no Povoado Sementeira, que irá atender os moradores é distante, mais de três quilômetros, e a área é perigosa, tendo de passar por um matagal e atravessar rodovia com os filhos pequenos até o novo local correndo sérios riscos.

Os vereadores Moisés Machado (PDT) Léo Saturnino (PMDB) Rogério Nezinho (PMDB) e Fábio Henrique, após tomarem conhecimento da mudança farão pronunciamentos em defesa dos moradores do Bom Sucesso, exigindo do prefeito Rogério Teófilo e da secretária Aurélia fernandes uma solução no sentido da unidade voltar ao atendimento no seu local de origem.

 Eles também ameaçam bloquear a rodovia e ocupar a Prefeitura até a decisão ser revogada. A comunidade afirma que o Posto de saúde desativado, que funcionava em um prédio alugado, atendia em média 900 famílias ali residentes inclusive idosos.

De acordo com a comunidade, a decisão da administração municipal prejudica principalmente mulheres, crianças e idosos com problema de locomoção.

A Unidade Básica de Saúde (UBS) desativada foi inaugurada na gestão da da ex-prefeita  Célia Rocha, mas segundo a atual gestão, o prédio deveria ser utilizado, exclusivamente, para fins residenciais por isso foi desativado.

Em nota enviada à imprensa, a Prefeitura de Arapiraca reconheceu que a construção do novo prédio da UBS da comunidade está parada há meses, e afirma que a construtora responsável não teria respeitado os prazos estabelecidos no contrato. Motivo que causou a judicialização da obra e anulação do contrato com a construtora. A Prefeitura de Arapiraca afirma  que a mudança do atendimento para o Povoado Sementeira não trará prejuízos aos usuários de saúde, até que a obra seja retomada e concluída.

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Complexo Tarcizo Freire - Anexo l realiza ação do Novembro Azul

D54f69fc e0b8 492a 98a6 50884ebdbc92

O Anexo -1 do Complexo Multidisciplinar de EquoterapiaTarcizo Freire localizado no bairro Brasília, vai promover nesta sexta-feira (24), diversas ações em celebração ao novembro azul, mês de combate mundial do câncer de próstata.

A iniciativa tem como objetivo alertar a população, em especial os homens sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de próstata e outras doenças masculinas.

Durante toda manhã, a clínica vai oferecer consulta médica,avaliações, aferição de pressão, testes rápidos de glicemia, HIV, sífilis, e hepatite B e C. Os serviços serão ofertados no próprio Anexo, localizado na Rua Miguel Leite,no bairro Brasília, em Arapiraca.  O público alvo são os homens, mas toda a população está convidada a participar desta importante  ação social de saúde.

Na oportunidade, palestras de conscientização e orientação sobre prevenção ao câncer de próstata serão realizadas pela psicólogaTatyane Rodrigues, com auxilio da enfermeira AdrunyelliFerreira. Haverá distribuição de panfletos informativos, e ao final um coffee breakserá servido.

Campanha

“Novembro Azul” é uma campanha de conscientização, realizada por diversas entidades no mês de novembro, sendo dirigida à sociedade e, em especial, aos homens, para a prevenção e o diagnóstico precoce do câncer de próstata.

No Brasil, esse é o segundo tipo de câncer mais comum entre os homens e tem como agravo a não manifestação de sintomas até que a doença esteja em estágios avançados, resultando em chances de cura reduzidas.

O exame médico de prevenção deve ser realizado anualmente por todos os homens com idades a partir de 50 anos (ou 45, se houver casos de câncer de próstata na família).

Ação Social Pet

Vale ressaltar que no sábado, 25 de novembro, o Complexo Multidisciplinar de EquoterapiaTarcizo Freire realiza a 7ª edição da Ação Social Pet, na Associação Comunitária do Brisa do Lago, em Arapiraca.

A ação é promovida pela instituição em parceria com o médico veterinário, Dr. Daniel Tenório, e oferta atendimentos gratuitos de cães e gatos de pessoas com baixo poder aquisitivo ou que não tem condições de pagar por consulta.

 

 

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Explosão de botijão de gás deixa mulher ferida em Arapiraca

238506ad eeff 43ff bfb3 104cf074757c

Um incêndio provocado por um vazamento de gás deixou uma mulher ferida na tarde desta segunda-feira (20), na Rua Bela Vista, no bairro Brasília, em Arapiraca.

De acordo com informações, Josélia Barbosa, de 38 anos, teve queimaduras em boa parte do corpo. Ela foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhada para a Unidade de Emergência do Agreste.

Populares informaram que o fogo teve início logo após a dona de casa efetuar a troca do mesmo com o auxílio de um vizinho. Rapidamente as chamas se espalharam pelo corpo da mulher e pela casa. Um mototaxista que passava pelo local, viu as chamas e invadiu a residência para prestar os primeiros socorros, sendo auxiliado por vizinhos em seguida.

Com a chegada dos Bombeiros, o fogo foi controlado.

Segundo a assessoria de comunicação do Hospital, a vítima deu entrada apresentando queimaduras na face, tórax e no braço esquerdo.

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Homem que teve corpo queimado morre no Hospital de Emergência de Arapiraca

E040df16 8c1d 45bf af93 2c44c8d25d22

O homem com problemas mentais, identificado como Edilson dos Santos Silva, 35 anos, que teve o corpo queimado durante tentativa de homicídio registrada em Arapiraca na noite da última quinta-feira (16) não resistiu à gravidade dos ferimentos e faleceu no Hospital de Emergência Doutor Daniel Houly de Almeida. Autor do barbaro crime identificado como Luiz Paulo dos Santos, 19 anos,esta preso na Central de Policia Civil.

Confira nota do Hospital de emergência Doutor Daniel Houly de Almeida

"O Serviço Social do Hospital de Emergência Daniel Houly, em Arapiraca, informa do falecimento do paciente Edilson dos Santos da Silva, 34 anos, que estava internado em estado gravíssimo desde a noite de quinta-feira (16), com queimaduras em mais de 80% do corpo.

O paciente, procedente do Conjunto Jardim das Paineiras, em Arapiraca, recebeu todo o atendimento médico necessário para o caso, mas, infelizmente, não resistiu aos ferimentos e faleceu nas primeiras horas da manhã deste sábado (18)"

Edílson dos Santos Silva seria portador de distúrbio mentais e teve seu corpo queimado por Luiz Paulo dos Santos, 19 anos, conforme investigação realizada pela Polícia Civil.

Réu confesso, ele disse que não está arrependido do que fez, conforme declarações que prestou ao repórter Mitchel Torquato.

Luiz Paulo disse em entrevista que não planejou o crime, mas admitiu que comprou a gasolina na noite do crime.

Para justificar seu ato, ele afirmou que Edílson era “tarado” e teria tentado se aproximar de um primo (de Luiz Paulo), um menino que não foi abusado.

Com o falecimento de Edílson, Luiz Paulo – que já tem passagem na polícia por tráfico de drogas – certamente deverá responder processo por homicídio.

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Legislativo de Arapiraca tem débito junto ao FGTS de 1,4 milhão

Af90eb94 1170 41a7 a4b4 9427c0de8288

A Câmara Municipal de Arapiraca tem uma dívida junto a Caixa Econômica Federal da ordem de R$ 1,4 milhão. A dívida de várias gestão é referente à falta de repasses dos valores após a mudança do regime dos servidores com a constituição Federal de 1988. O ‘prego” acumulado resultou em uma ação movida pela Justiça do Trabalho que deu ganho de causa aos servidores e resultou no pagamento mensal de multa por parte do Poder Legislativo, por conta da Casa não cumprir até o momento com o compromisso, mesmo recebendo anualmente de acordo com o Orçamento de 2017, recursos da ordem de R$ 11 milhões e 610 mil.

Legislativo de Arapiraca tem débito 02

Em janeiro deste ano a Casa pagou uma multa de R$ 23 mil. A presidente da Mesa Diretora, Graça Lisboa (PDT) garantiu que resolveria o problema no período da sua gestão e até o momento, tudo na estaca zero. O caso compromete o Legislativo da cidade mais importante do interior do Estado que permanece com o nome sujo junto ao Tesouro Nacional. O advogado que representa os servidores, José Vitor Castro Costa, afirma que vem buscando o consenso junto a Mesa Diretora da Casa para a solução do caso que dura décadas.

O cáos na saúde de Arapiraca

A cidade de Arapiraca continua vivenciando um verdadeiro cáos na área da saúde na gestão do prefeito Rogério Teófilo (PSDB) e na administração da saúde no comando da vereadora licenciada Aurélia Fernandes (PSB). De acordo com audios da população, encaminhados as emissoras de rádio, uma das  situações mais criticas e do 4º Centro de saúde localizado no populoso bairro do Canaã. O programa de Saúde bucal não funciona por falta de material e nos postos, de acordo com os reclames da população falta tudo, nas unidades apenas boas cadeiras para o povo sentar e, esperar. Só Deus na causa.

Central  Já, suspende atendimento em Arapiraca

A Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag) informa que a Central Já! de Atendimento ao Cidadão do município de Arapiraca está com o atendimento ao público suspenso temporariamente Segundo a Superintendência de Atendimento ao Cidadão (SAC), a interrupção dos serviços acontece por conta de serviços de manutenção e reparos que serão feitos no prédio em que se localiza a unidade.

Central Já 02

 A expectativa é que os atendimentos sejam normalizados a partir do dia 28 de novembro. Serviços poderão ser retomados a partir de 28 de novembro. De acordo com denuncias chegadas as emissoras de rário o atendimento no órgão estava o pior possivel, nem mesmo água era servida para os usuários, que esperavam longas horas para o atendimento.

 

Crise na Maternidade Santa Mônica

A Maternidade Escola Santa Mônica, referência em assistência para gestantes de alto risco pelo Sistema Único de Saúde (SUS) no Estado, tem seus atendimentos comprometidos pela falta de medicamentos e de materiais básicos. A crise de desabastecimento levou a direção a formalizar um boletim de ocorrência na Polícia Civil e buscar o auxílio do Ministério Público Estadual (MPE).Uma decisão da Justiça obrigou o governo do Estado a depositar, em caráter de urgência, recursos para a compra de insumos, que não foi contornada pelos gestores Universidade Estadual de Ciências da Saúde de Alagoas (Uncisal).

 

Crise na Maternidade 02

 

Após a ação, a decisão judicial saiu no dia 31 de outubro deste ano. Foi determinado o bloqueio de R$ 1 milhão das contas do Estado para resolver de forma emergencial o caos do abastecimento na Santa Mônica. Ainda assim, faltam luvas, antibióticos e anestésicos A maternidade tem entre 10% e 15% dos insumos necessários para o seu devido funcionamento. Materiais quando chegam, duram menos de dois dias e os atendimentos prosseguem apenas pelos esforços do corpo técnico do hospital, de acordo com o servidores.

 

Ponte no rio Tatuamunha – recursos estão garantidos

A ponte sobre o rio Tatuamunha vai receber o investimento no valor R$ 1 milhão de reais por meio do Ministério do Turismo. O anúncio foi feito pelo ministro da pasta, Marx Beltrão, em audiência com o secretário de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos (Semarh), Alexandre Ayres, e o prefeito de Porto de Pedras, Henrique Vilela. 

Ponte no rio Tatuamunha 02

 A construção da nova  ponte conta com projeto adequado de sustentabilidade ambiental e predominando os atrativos turísticos da região norte. A ponte de madeira fica próxima à Associação Peixe-Boi e serve de acesso para pedestres, ciclistas, pescadores, marisqueiros e moradores locais.

Pré-candidatura está mantida

O ex-prefeito de Batalha, Paulo Dantas, filho do deputado estadual Luiz Dantas, presidente da ALE, assegurou que sua pré-candidatura a deputado estadual está mantida pelo PMDB. “Vou seguir firme de conscencia tranquila”, desabafou. O ex-prefeito espera que o crime que foi vítima o vereador “Neguinho Boiadeiro” , seja esclarecido o mais breve possível. “Quem dever que pague completa Paulo Dantas.

Colégio Militar abre inscrições

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) publicou nesta terça-feira (14), o edital com as normas e procedimentos para o exame de seleção dos novos alunos que cursarão o ano letivo 2018 nas unidades Capital e Agreste do Colégio da Polícia Militar Tiradentes.

De acordo com a Seduc, a unidade de Arapiraca do Colégio Tiradentes abre 60 vagas para o 6º ano do Ensino Fundamental (vespertino), 30 vagas para o 8º ano do Ensino Fundamental (vespertino) e mais 30 para o 9º ano do mesmo período.

Colégio Militar 02

Para o 7º ano do Ensino Fundamental (vespertino), as vagas só serão conhecidas depois do levantamento realizado pela secretaria do Colégio Tiradentes, ao final do ano letivo de 2017 e após a matrícula dos alunos antigos. Os responsáveis por crianças e adolescentes interessados em estudar na unidade de ensino da Polícia Militar disponível em Arapiraca deve se dirigir ao colégio localizado na Rua Rosalvo Eduardo, nº 145, bairro do Bom Sucesso, no período de 21 a 24 de novembro.

 

 

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

MPF vai ouvir na próxima semana o deputado estadual Severino Pessoa

Ef5f2005 28a5 42ce 9665 84fe25f461f2

O promotor Napoleão Amaral que iniciou as investigações que envolve o deputado estadual Severino Pessoa (Sem partido) numa suposta utilização de um trator e uma retroescavadeira  do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2) a disposição da Prefeitura Municipal de Arapiraca em uma propriedade particular localizada na Rua Manoel Protásio, no bairro Alto do Cruzeiro em Arapiraca. Nos próximos dias o promotor vai ouvir o parlamentar sobre o seu envolvimento em um eventual crime de improbidade administrativa.

Como se trata de um programa do Governo Federal o promotor encaminhou o inquérito para a esfera do Ministério Público Federal. Napoleão Amaral, já ouviu o secretário municipal de Agricultura, Roberto Amaral, responsável pelos equupamentos. O titular da pasta é o segundo a assumir a pasta da Agricultura em menos de um ano da gestão do prefeito Rogério Teófilo. O primeiro, o engenheiro agronomo, e ex-vereador Júlio Houly pediu demissão do cargo.

O promotor ouviu em seguida, o chefe da garagem do município que é o responsável pelos equipamentos, motoristas e operadores de máquinas. Os equipamentos foram flagrados pelo promotor Napoleão Amaral, após denuncas, trabalhando em uma demolição no terreno que seria do deputado Severino Pessoa. No momento foram gravados videos e feito fotografias do flagrante. O promotor ouviu testemunhas que se encontravam no terreno no mesmo dia que o parlamentar esteve no imóvel coordenado os trabalhos de demolição.

Um dos pontos da investigação do Ministério Público FederaL é saber de quem e a responsabilidade da autorização, exploração e uso indevido das máquinas e a serviço de quem estavam operando. O promotor determinou agilidade no processo administrativo. A depender das investigações o parlamentar poderá responder pelo crime de improbidade administrativa.  

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Sopão Social do Complexo completa seis meses alimentando famílias carentes

Acd0babb 97bf 4aed a916 9314e1b34adb

O Complexo Multidisciplinar de Equoterapia Tarcizo Freire começou a realizar distribuição de sopa a pessoas carentes do município em maio deste ano. O projeto de grande alcance social completa seis meses, graças àiniciativa do fundador e idealizador  da instituição, o deputado estadual Tarcizo Freire (PP).

O Sopão Social cadastrou centenas de famílias carentes em situação de vulnerabilidade social do bairro Nova Esperança, em Arapiraca. Uma equipe de profissionais composta por assistente social, psicólogo, enfermeiras fazem acompanhamento mensal a essas pessoas. Panelas de 50 litros são devidamente preparadas sob supervisão de uma nutricionista e um técnico em alimentação escolar, que é responsável pela confecção do alimento.

“Ninguém sobrevive sem alimentação e sem água. A sociedade tem o direito de uma alimentação de qualidade. E o Complexo Tarcizo Freire trabalha para amenizar a situação de vulnerabilidade dessas famílias. São mais de 500 pessoas beneficiadas com o Sopão,” disse Michel Pereira, gerente da entidade.

Antes da distribuição da sopa, que acontece todas às sextas-feiras na sede da instituição, uma palestra sobre a importância do alimento, higienização da vasilha, e de como evitar o desperdício é realizada por uma assistente social. Para algumas pessoas que recebem o alimento, o “Sopão”não poderia ter vindo em melhor hora, pois garantea principal refeição do dia.

Além de sopa e pães, o cardápio vai se estender para outros tipos de alimento, como cuscuz e macarronada. Novas comunidades também serão assistidas pelo projeto, um desejo do idealizador do Complexo, Tarcizo Freire.

O deputado destacou a importância do Projeto para as comunidades carentes. O parlamentar afirmou que o Sopão Social veio justamente para suprir a necessidade de quem realmente precisa, proporcionando uma alimentação saudável. E assim como o “Sopão” outros programas estão sendo realizados em prol da população.

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Grupo situacionista em Arapiraca poderá implodir em 2018

66f0a8ee 8782 49cb 91c2 0e201baf4ae1

Disputa será acirrada e difícil para os postulantes a ALE e Câmara dos Deputados dos pré-candidatos do grupo do prefeito Rogério Teófilo As eleições proporcionais em 2018 em Alagoas será uma das mais difíceis mesmo para quem vai para a releição e, sobretudo para os novos postulantes sem experiencia politica, liderança e serviços prestados a comunidade.  O voto livre será  muito bem disputado no segundo colégio eleitoral  do Estado que está com um volume considerável de pré-candidatos a deputado estadual e federal .

Além do descrédito e desgastes de muitos politicos com o envolvimento em operações de combate a corrupção e a improbidade administrativa através de investigações do Ministério Público Federal e a Polícia Federal.  Para esses politicos será  díficil mesmo  conquistar o volume de votos necessários para se eleger, após a aprovação da reforma politica.

Os postulantes à Câmara dos Deputados terão que conseguir 160 mil votos para fazer o primeiro eleito da coligação. Quanto aos postulantes a Assembleia Legislativa Estadual (ALE), estima-se que terão que conseguir acima de 56 mil votos para fazer o primeiro deputado da coligação.

Para a eleição de 2018 o quociente eleitoral (resultado dos votos de uma divisão) deverá aumentar em relação ao pleito de 2014.Na última eleição os campeões de votos em 2014 foram JHC-(PSB)135.929 votos, para deputado federal e Rodrigo Cunha (PSDB) 60.756 votos para deputado estadual. Sua votação foi expressiva em Maceió, em Arapiraca obteve pouco mais de 8 mil votos.

Rodrigo Cunha ainda não definiu se vai disputar  a reeleiçao ou disputar uma das vagas para a Câmara dos Deputados. Em Arapiraca o deputado estadual Severino Pessoa (sem partido) ja anunciou que vai disputar um mandato de deputado federal. Pessoa é aliado do prefeito Rogério Teófilo (PSDB) domina duas principais secretarias municipais educação e saúde e a esposa a vice-prefeita Fabiana Pessoa deve disputar um mandato de deputada estadual.

Implosão do grupo situacionista

Com o volumoso número de pré-candidatos a Assembleia Legislativa Estadual com pré-candidatos privilegiados a exemplo da vice-prefeita Fabiana Pessoa (PSC) e do filho do prefeito Rogério Teófilo (PSDB) Moacir Teófilo Neto, poderá ocorrer uma implosão no grupo situacionista na disputa pelo uso da máquina administrativa para finns eleitorais.

Os demais pré-candidatos do grupo do prefeito Rogério Teófio, são; Breno Albuquerque (PDT) filho do ex-deputado estadual Dudu albuqerque e possivelmente Aurélia Fernandes (PSB). A Justiça Eleitoral deve ficar atenta as manobras políticas em 2018 no Centro Administrativo. Evidentemente, o gestor vai usar a máquina administrativa para tentar eleger o filho para conquistar o primeiro mandato da sonhada carreira politica iniciando pela Casa de Tavares Bastos.

Essa pratica politica foi usada pelo então prefeito Severino Leão há décadas passadas para eleger o irmão, Demuriez Leão deputado Estadual.  Essa pratica foi usada também pela ex-prefeita Célia Rocha (PTC) para eleger o filho, Daniel Rocha vereador por Arapiraca. A Justiça Eleitoral deve está bem atenta a essas manobras do poder público nas eleições 2018 em todo o Estado e particularmente no segundo colégio eleitoral do Estado a cidade de Arapiraca.

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.

Independência e trabalho social garantem reeleição de Tarcizo Freire à ALE

5cebd8d7 e54e 47f9 ae12 e5502c78fbaf

 

 O trabalho social desenvolvido pelo deputado estadual Tarcizo Freire (PP) ao longo dos últimos 10 anos em Arapiraca e região Agreste através das ações do Complexo de Equoterapia são as garantias para o seu retorno a Casa de Tavares Bastos em 2018. O parlamentar segue independente sem apoios de grupos políticos tradicionais na sua missão de servir, fazendo sua parte.

Sua reeleição em 2018,  no cenário politico da cidade mais importante do interior do Estado não será prejudicada pelos demais postulantes a Assembleia Legislativa Estadual. Tanto para quem disputa a reeleição e os novos postulantes. A preocupação de Freire no momento, é aumentar o raio de ação da instituição que idealizou fundou o Complexo Multidiciplinar que leva o seu nome.

Está em fase de construção uma unidade em Olho D’água das Flores no Sertão e já em funcionamento um anexo no bairro Brasília e no próximo ano, mais um anexo no bairro Primavera ambos em Arapiraca. Com a experiencia de cinco legislaturas na Câmara Municipal de Arapiraca e o seu trabalho sempre direcionado as classes trabalhadoras, “Tarcizo Freire conta com o reconhecimento do povo para continuar na Casa de Tavares Bastos.” Essa é a opinião de um experiente analista político.

Pré-candidatura de Célia Rocha a ALE

Quanto a pré-candidatura a deputada estadual da ex-prefeita Célia Rocha (PTC) aliada do senador Fernando Collor (PTC) e do grupo politico do governador Renan Filho (PMDB) corre o risco de atrapalhar a reeleição de aliados a exemplo do deputado estadual Ricardo Nezinho (PMDB). Experiente na política, Nezinho,  vem buscando ampliar sua liderança em outras cidades. Em 2016 quando disputou a prefeitura de Arapiraca, e perdeu para Rogério Teófilo (PSDB) o parlamentar peemedebista, perdeu algumas lideranças que foram recuperadas em outros redutos eleitorais do Estado.

Divisão no grupo situacionista

Com a confirmação da pré-candidatura do advogado Moacir Teófilo Neto (PSDB) filho do prefeito Rogério Teófilo a uma das 27 vagas na Assembléia Legislativa Estadual pode, naturalmente provocar um possível “racha” no grupo situacionista. São pré-candidatos a deputado estadual, Breno Albuquerque, filho do ex-deputado estadual Dudu Albuquerque, A vice-prefeita Fabiana Pessoa e possivelmente a secretária municipal de saúde, Aurélia Fernandes (PSB).

Evidentemente, que toda a máquina administrativa vai focar no filho do prefeito, deixando os demais postulantes do grupo situacionista a “ver navios”. Caso contrário, terão que buscar outras alternativas para conquistar votos. Isso sem falar em Rodrigo Cunha, (PSDB) que sempre está ao lado do prefeito em todos os eventos políticos de Arapiraca e até o momento, não definiu que rumo vai tomar em 2018, se a reeleição ou a disputa de um mandato de deputado federal entrando em rota de colisão com o deputado estadual Severino Pessoa (sem partido) que já anunciou sua disposição de disputar a Câmara dos Deputados em 2018.

 

 

 

Deixe seu comentário Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.
Comercial (82) 3313.6040 (82) 99812.2189 comercial@cadaminuto.com.br
Redação (82) 3313.2162 (82) 99664.2221 cadaminutoalagoas@hotmail.com