Roberto Gonçalves
Roberto Gonçalves

Postado em 18/05/2017 às 14:32 por Roberto Gonçalves com Diário Arapiraca em Roberto Gonçalves 0

Advogado garante que sede social ficará em posse do alvinegro

Informação foi confirmada em coletiva de imprensa, no Estádio Coaracy da Mata Fonseca, nesta quinta (18). Julgamento aconteceu no STJ e o Gigante Alagoano venceu por unanimidade




Por Roberto Gonçalves com Diário Arapiraca

Durante entrevista coletiva realizada na manhã desta quinta-feira (18), na sala de imprensa do Estádio Coaracy da Mata Fonseca, em Arapiraca, a direção do ASA, através de um dos seus advogados confirmou que a sede social clube nos próximos dias será devolvida ao time alvinegro após decisão judicial do Supremo Tribunal Justiça (STJ).

Segundo o advogado José Ventura Filho, o ASA venceu por unanimidade o recurso impetrado no STJ, mas ainda terá que aguardar uma série de protelações permitidas pelo código civil que dá oportunidade para a parte vencida recorrer da decisão.

“Há uns cinco meses ganhamos por unanimidade no STF, mas a parte vencida entrou com um embargo declaratório solicitando explicações ao juiz que atuou no caso. Ontem, dia 17, esse embargo declaratório foi julgado no STJ e mais uma vez ganhamos por unanimidade, portanto, agora temos que aguardar a publicação do acórdão no Diário Oficial da União, em seguida esta ação será devolvida ao Tribunal Regional Federal no Recife, onde passará pela prescrição.”, explicou o advogado José Ventura.

“Na minha visão como advogado, prescrição é um elemento puramente matemático, ou seja, é uma contagem de tempo, e isso nós alegamos desde o primeiro momento e o tribunal não enfrentou esse processo de prescrição, e agora por determinação do STJ será enfrentado, o que na minha maneira de ver não há sequer um problema de discussão e entendo que é só questão de tempo para a sede social estar voltando para a posse do Gigante Alagoano. Lógico que ainda existe um pouco de demora pela morosidade do código do processo civil”, emendou o advogado.

Conforme o advogado, o ASA possui um débito junto ao Governo Federal de aproximadamente R$ 2 milhões.

 Segundo ele, assim que tudo for resolvido com a sede social, o imóvel será negociado para que as pendências financeiras sejam regularizadas. Dessa forma , o alvinegro paga o que deve e ainda fica com uma certa quantia em caixa.

 


Deixe seu comentário

Os comentários são de inteira responsabilidade dos autores, não representando em qualquer instância a opinião do Cada Minuto ou de seus colaboradores. Para maiores informações, leia nossa política de privacidade.