Maceió

Postado em 15/07/2016 às 15:12 0

Mudanças em linhas de ônibus intermunicipais prosseguem no domingo


Por Ascom Arsal

Foto: Divulgação

Rodovia BR-316 no município de Pilar

As mudanças em 11 linhas de ônibus intermunicipais metropolitanas iniciadas no sábado, 9, pela Agência Reguladora de Serviços Públicos (Arsal), prosseguem neste domingo, 17, quando a empresa Expresso Metropolitano começa a operar os trajetos Santa Luiza do Norte, Coqueiro Seco e Pilar, todos com origem e destino na capital.

Com isso, o número de viagens aumenta de 11 para 15 (Pilar via Satuba); de uma para três (Pilar via Polo e Santa Luzia do Norte via litoral); e de oito para 15 (Coqueiro Seco via Santa Luzia do Norte). Em Maceió, o ponto de embarque e desembarque de passageiros é no Terminal do Mercado da Produção, no Centro.

No domingo seguinte, 24, a Expresso Metropolitano, que possui uma frota de 21 ônibus, assume as linhas da Barra de São Miguel, Marechal Deodoro, Massagueira, Barra Nova e Pindoba (as duas últimas são trajetos novos).

Em todas as linhas antes operadas pela Real Alagoas, as tarifas permanecem inalteradas. Os valores já creditados nos bilhetes eletrônicos adquiridos pelos passageiros poderão ser utilizados normalmente nas linhas assumidas pela Expresso Metropolitano.

Já para as linhas assumidas no sábado passado pela CM Transporte e Turismo (Barra de Santo Antônio e Paripueira), será necessário procurar a Real Alagoas para reembolso dos créditos.


Postado em 15/07/2016 às 14:47 0

Banco Bradesco vence licitação e continuará prestando serviços ao Tribunal de Contas de Alagoas


Por Assessoria

Foto: Assessoria

Banco Bradesco venceu licitação

Foi realizada na manhã desta sexta-feira (15) licitação para contratação de Banco para prestação de serviços ao Tribunal de Contas, através da instalação de posto de serviços, no edifício-sede. A Comissão de Licitação foi presidida pelo pelo Procurador do Ministério Público de Contas, Gustavo Santos, e integrada pelos diretores do TCE/AL, Marcelo Dias (Financeiro) e Flávio Rui Pereira de Melo (Dimop), secretariada por Robleusa Passos. 

Atenderam à convocação ao pregão os representantes do Banco Bradesco, Banco do Brasil e Banco do Nordeste do Brasil. Aberto os trabalhos, os Bancos do Brasil e do Nordeste oficializaram as suas desistências, permanecendo apenas como observadores. Portanto, somente o Bradesco apresentou proposta que, depois de examinada pela Comissão de Licitação, foi aceita e declarada vencedora. Os recursos oriundos da licitação somente poderão ser utilizados nas despesas de reforma ou conservação do prédio-sede, sendo vedado qualquer outro uso.

O Banco Bradesco foi representado pelos gerente-geral (Agência Rua do Sol), José Pereira, e pelo gerente de Relacionamento do Poder Público, Almir Martiniano da Silva; o Banco do Brasil, pelo gerente do Poder Público, Márcio Correia e o Banco do Nordeste, pelo gerente de Negócios com o Governo, Bruno Tavares Rodrigues. 


Postado em 15/07/2016 às 14:21 0

Dívida com Eletrobras é do Estado, diz advogado do Hospital do Açúcar

Desde 2004, hospital deve R$ 20 milhões à concessionária de energia, que reclama prejuízo


Por Raíssa França*

Cortesia

Hospital do Açúcar

Desde 2004, o Hospital do Açúcar tem uma dívida com a Eletrobras Alagoas de R$ 20 milhões, que tem gerado dificuldades para a concessionária de energia elétrica, segundo informou o presidente da Eletrobras, Vladimir de Abreu. Entretanto, em entrevista ao CadaMinuto, o hospital afirma que a dívida não é mais dele e sim do Estado de Alagoas.

De acordo com o advogado do Hospital do Açúcar, Joaquim Pontes de Miranda Pinto, há 17 anos o centro médico entrou com uma ação declaratória de imunidade tributária contra o Estado, que foi julgada procedente no Superior Tribunal de Justiça (STJ) e no Supremo Tribunal Federal (STF). As decisões resultaram em um crédito do hospital com o Estado de Alagoas em relação ao Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS).

“O valor que a Eletrobras está cobrando em comparação com que a instituição tem de crédito com o Estado é de 20%”, comentou o advogado, acrescentando que o hospital ofereceu uma parte do crédito para a Eletrobras, porém, o governo não autorizou a transferência dos créditos para o pagamento da empresa de energia.

Ainda de acordo com Joaquim Pontes, o crédito, transitado e julgado em justiça comum, é líquido. “A empresa aceita os créditos, mas o Estado não autoriza. Na hora que ela autorizar, a concessionária vai quitar o ICMS dela”, contou.

O advogado ainda contou que haverá uma reunião no Tribunal de Justiça para tentar resolver essa situação, mas que o valor da dívida do hospital com a distribuidora está errado. “O valor é de R$ 14 milhões, o Hospital do Açúcar é imune a ICMS. O débito existe, o hospital tem o crédito para pagar, a Eletrobras aceita, mas o estado não paga”, voltou a frisar.

A assessoria de Comunicação da Eletrobras informou que o repasse nunca foi feito para a instituição e que a dívida existe. Sobre a informação de que o estado deve pagar a empresa, a assessoria disse que o cliente da distribuidora de energia é o hospital e que, se ele tem créditos com o Estado, isso deve ser resolvido entre eles.

A reportagem entrou contato com a assessoria de comunicação da Secretaria de Estado da Fazenda (Sefaz) que encaminhou uma nota afirmando que o Secretário, George Santoro, desconhece detalhes sobre a existência de créditos tributários. Confira a nota na íntegra:

Desconheço detalhes sobre a existência de créditos tributários a serem pagos ao hospital em questão, tendo em vista que o tema nunca foi apresentado à atual gestão e sequer citado em reuniões já realizadas com a diretoria do hospital.

Inclusive, a princípio, causa-me espécie que um hospital, que não é contribuinte de ICMS, seja detentor de créditos tributários. Mas, como não conheço o caso, é preciso reunir mais elementos para estudar melhor o assunto e averiguar a procedência da demanda apresentada pelo hospital.

Leia Mais: Hospitais da capital devem R$ 27 milhões de energia à Eletrobras

*Colaboradora


Postado em 15/07/2016 às 11:24 0

Marta Arruda leva exposição "30 anos de arte" para Pinacoteca Universitária


Por Assessoria

Crédito: Divulgação

Marta Arruda

Marta Arruda traz para os salões da Pinacoteca Universitária sua exposição “Marta Arruda – 30 anos de arte”, com abertura no dia 21 de julho, às 20 horas. A artista plástica que trabalha com esculturas e painéis de aço marca o início de um período comemorativo às três décadas da sua trajetória profissional.

Já tendo anteriormente exposto na Pinacoteca, em 1988, no I Festival de Arte da Comunidade Universitária, Marta Arruda revelará nessa mostra não só obras importantes de seu acervo, mas também um “ateliê vivo”, com a recriação in loco de seu espaço de trabalho, em que poderão ser vistos seus equipamentos e materiais. “Dediquei a essa exposição todo o meu amor e a minha vontade de mostrar ao público um pouco mais de mim e da minha obra”.

A artista iniciou sua trajetória em 1985, sendo a primeira mulher a trabalhar com soldagem no Estado de Alagoas. Além de ingressar num ambiente tipicamente masculino, a artista exercitava sua criatividade com os restos dos metais criando suas primeiras peças. Seu trabalho artístico, esculturas e painéis, compõe a paisagem urbana tanto em Maceió quanto em diversos municípios de Alagoas, e também fora do estado.

A exposição “Marta Arruda – 30 anos de arte”,que tem curadoria por Kelcy Ferreira, também apresentará uma linha do tempo e um minidocumentário com a trajetória pessoal e múltipla da artista. Como proposta educativa, a artista também realizará oficina de modelagem durante o período da mostra.

Ao longo dos anos, a artista passou por diversos salões de exposição em Alagoas e no Brasil, individual e coletivamente, como o SESC (2003) e a III Bienal Nacional de Santos (1991). Colecionou prêmios como o Prêmio Banco Mundial de Cidadania (2005), do Banco Mundial, consolidando sua extensa produção e sua atuação como artista plástica.           

Abertura da Exposição: "Marta Arruda - 30 anos de arte"

Local: Pinacoteca da Universidade Federal de Alagoas (Ufal) - Pç. Visconde de Sinimbu, 206, 1º piso, Poço.

Data e Horário: 21 de Julho, às 20 horas.

Período de Visitação: 22 de Julho a 09 de setembro (segunda a sexta, das 8h30 às 18 horas).

Entrada Gratuita.


Postado em 15/07/2016 às 10:58 0

Garoto alagoano com leucemia recebe mensagem de Safadão e realiza sonho de voar

Jhuan tem quatro anos e queria conhecer o mar


Por Redação com Agência Alagoas

Agência Alagoas

Jhuan sobrevoando a orla de Maceió

Travando uma luta contra a vida, o pequeno Jhuan Carlos de apenas quatro anos, está internado na Casa da Criança do Hospital do Açúcar, para tratamento de leucemia. Porém mesmo com a batalha a ser vencida, o pequeno conseguiu realizar um sonho e ainda recebeu o apoio do cantor Wesley Safadão.

Na tarde desta quinta-feira (14), Jhuan ganhou o boneco arqueiro, presente de uma enfermeira da unidade e foi sobrevoar da Orla de Maceió ao Gunga com os pilotos do Grupamento Aéreo da Segurança Pública.

O ato de amor e solidariedade foi intermediado por Cláudio Santos que perdeu um filho há cinco anos, também vítima da doença. Jhuan estava ansioso pelo passeio e foi cercado por médicos, enfermeiros e também familiares (pai, avós, tios, padrinhos, primos) que vieram de Pão de Açúcar para uma possível despedida. Apesar do quadro de debilitação diagnosticado, ele estava feliz. Olhos brilhando e sorriso aberto ao avistar o helicóptero. No colo da mãe Neidiane Silva, de 26 anos, e acompanhado ainda da médica Juliana Amorim e de uma enfermeira, ele foi aos ares sob o comando do coronel CB André e do tenente-coronel Júnior.

“Sofremos muito com a perda do nosso filho e decidimos ajudar, apoiar crianças com câncer. Estamos dando assistência às internas no Hospital do Açúcar  e na Santa Casa. Corremos atrás de exames, que não são baratos, e Deus consegue o restante para nós. O Jhuan é um menino fantástico, mas sabemos que o quadro dele é delicado. Isso tudo mexe com a gente”, enfatiza Cláudio Santos, que foi ao local acompanhado da esposa.

O pai de Jhuan, Ricardo Pereira, foi às lágrimas ao ver o aparato e que o sonho do filho estava se realizando. “Não tenho palavras para dizer o que sinto na condição de pai. Só tenho ele e sei que meu filho está indo embora. Pelo menos ele está realizando um sonho. Mas, sejamos fortes para aceitar a decisão de Deus”, afirmou o genitor do menino.

Jhuan, apesar da pouca idade, está consciente de tudo. Ele impressiona a todos com a sua sapiência. Havia desistido de ver o mar de helicóptero, mas pela manhã enviou um áudio, via whatsapp para a médica assegurando: “tia, resolvi, eu não tenho medo e quero ir no avião”.

Os pilotos do Grupamento Aéreo expressaram comoção, mas se sentiram bem com a sensação de uma boa missão cumprida. “Fizemos com o maior prazer. Foi emocionante perceber como ele arregalou os olhos ao avistar o mar, tudo novidade para ele. Sem palavras”, disse o coronel André.

O passeio ficou nas mãos do piloto tenente-coronel PM Junior, que expressou muita sensibilidade. “Cumprimos nosso papel. Há coisas que nos pegam de surpresa, são difíceis de lidar, mas nos deixam felizes por sabermos que também fizemos alguém feliz. O Jhuan nos emocionou e vimos seus olhos brilharem. Isso é o que importa, realizamos o seu sonho”, declarou coronel Júnior.

Em vídeo, Safadão também mandou uma mensagem de apoio para o pequeno Jhuan, afirmando estar na torcida para que ele se recupere. Veja abaixo:

 


Postado em 14/07/2016 às 20:09 0

Em sua oitava edição, Eletrowhite terá 8 horas de festa


Por Redação, com assessoria

Divulgação

Em sua oitava edição, a festa Eletrowhite será realizada no próximo dia 23, a partir das 22h, na casa de eventos Acrópole, situada no bairro de Jaraguá.

Na pick-ups, as performances ficam por conta do Dj Ber Bush(ex-Hands Up) e ainda conta com Ely Abu(SC), Jet Lag(SP), o residente da Jovem Pan Fm - Paulo Pringles (SP) e o alagoano Gunnga.

Os organizadores acreditam que cerca de 4 mil baladeiros marquem presença na na festa. O evento é dividido três ambientes: pista, frontstage e o espaço exclusivo “backstage” assinado pela Mercedes Benz, com  visão privilegiada do evento.

Os ingressos estão à venda, por 40 (pista) e 80 (frontstage), nas lojas Chilli Beans, Fórum, Mammoth, Acesso Vip (Parque Shopping) e Viva Alagoas (Maceió Shopping). E para participar do “backstage” basta comprar o seu front antecipadamente e reservar por whatsapp (82)99678-4467 e garantir a mesa para 4 pessoas pelo valor de R$ 400, revertido em consumação.


Postado em 14/07/2016 às 15:29 0

Trânsito será alterado para partida entre CRB e Tupi


Por Redação*

Cortesia Secom Maceió

Nesta quinta-feira, dia 14, os motoristas que precisarem transitar pelo bairro do Trapiche, especificamente nas imediações do estádio do rei Pelé devem estar atentos às mudanças do trânsito da região. Usuários de ônibus também devem observar as mudanças em algumas linhas.

Agentes da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (SMTT) estarão nas imediações do Trapichão para organizar o fluxo de veículos já que a partida de futebol entre CRB e Tupi (MG) acontece hoje às 21 horas. Porém a partir das 19h, terá início a interdição dos cruzamentos da Avenida Siqueira Campos com a Rua Cabo Reis e com a Rua Lagoa Hotel, realizada com a presença de agentes de trânsito da SMTT. O bloqueio tem como objetivo garantir que todos possam transitar com tranquilidade pela região.

Programação dos ônibus

Para evitar a superlotação dos ônibus e possíveis atos de vandalismo que comprometam o conforto e a segurança dos passageiros, a SMTT determinou que, entre 18h30 e 20h30, antes da partida, e a partir das 21h45, algumas linhas de ônibus tenham seu itinerário estendido até a região.

Confira

017 São Jorge/Centro (via Ponta Verde)

022 São Jorge/Centro (via Farol/Jacintinho)

024 Sanatório/Centro (via Sinimbú)

025 Sanatório/Centro (via Pinheiro)

032 Novo Mundo/Centro (via Jacintinho)

033 José Tenório/Centro (via Gruta/Rotary)

035 Ouro Preto/Mercado (via Feitosa)

036 Dubeaux Leão/Centro (via Farol)

042 Benedito Bentes/Centro (via Santa Lúcia/Cleto Marques/Farol)

046 Village II/Centro (via Farol)

048 Benedito Bentes/Centro (via Jacintinho/Josepha de Mello)

051 Santos Domont/Centro (via Clima Bom/Poço)

052 Forene/Centro (via Cambuci)

053 Graciliano Ramos/Centro (via Farol)

057 Rio Novo/Centro (via Colina/Farol)

058 Fernão Velho/Centro (via Bomba do Gonzaga)

059 Rio Novo/Centro (via Bebedouro)

060 Chã da Jaqueira/Centro (via Bebedouro)

064 Rosane Collor/Centro (via Bebedouro)

068 Colina/Centro (via Poço)

069 Clima Bom/Centro (via Farol)

223 Ipioca/Mercado (via Poço/Ponta Verde)

217 Benedito Bentes/Mercado (via Feitosa)

*Com Secom Maceió


Postado em 14/07/2016 às 15:19 0

Seplag recebe Sindapen para elaborar PCCS da categoria

Mesa de Negociação Permanente ocorreu na Unidade Gestão, na manhã dessa quinta-feira, 14


Por Ascom Seplag/AL

Foto: Ascom Seplag/AL

Mesa de Negociação Permanente ocorreu na Unidade Gestão

A Secretaria de Estado do Planejamento, Gestão e Patrimônio (Seplag) realizou, na manhã desta quinta-feira (14), mais uma Mesa de Negociação Permanente do Governo com representantes do Sindicato dos Agentes Penitenciários de Alagoas (Sindapen/AL). Além de reafirmar um canal de diálogo com os servidores, a reunião, que aconteceu na Unidade Gestão da pasta, teve o intuito de elaborar o Plano de Cargos, Carreiras e Salário (PCCS) da categoria.

Durante a Mesa, o Sindapen pôde discutir e ajustar junto à Seplag todos os itens necessários ao desenvolvimento do PCCS dos servidores, que deve ser elaborado de forma alinhada à realidade da administração pública e respeitando, sempre, os anseios dos colaboradores.

Para o secretário do Planejamento e Gestão, Christian Teixeira, a ocasião, além de demonstrar o cuidado, a valorização e a disposição constante da Seplag em ouvir os servidores públicos do poder Executivo, reforça a necessidade de pensar no futuro das pessoas que compõem a máquina pública.

“Temos realizado estudos para que as demandas da categoria sejam sanadas da melhor forma possível. Só olhando para frente é que conseguiremos, de fato, construir uma nova Alagoas”, afirmou Christian.

A expectativa é que ocorram novas reuniões com o Sindapen para dar continuidade ao assunto nos próximos meses.


Postado em 14/07/2016 às 15:08 0

Conselho de Psicologia abre vagas para concurso público


Por Redação

Ilustração

Concurso Público

O Conselho Regional de Psicologia de Alagoas (CRP-15) abriu inscrições para concurso público. O campo de atuação é para Maceió e Arapiraca, sendo ofertadas vagas para Auxiliar Administrativo e Psicólogo Agente Fiscal. As inscrições acontecem até o dia 15 de agosto.

Após 12 anos sem concurso público, o edital foi publicado no Diário Oficial da União desta quarta-feira (13/07). Para os cargos de Auxiliar Administrativo é exigido nível médio completo e o salário é de R$ 953,86.

Já para Psicólogo Agente Fiscal, para graduados de Psicologia, o salário chega a R$ 3.300,00, mais benefícios. São 02 (duas) vagas para preenchimento imediato e também para formação de Cadastro Reserva, onde o/as aprovado/as vão ser convocados conforme a necessidade da Autarquia. A jornada semanal de trabalho será de 40 horas (nível médio) e de 30 horas (nível superior).

Provas

As provas, com duração de 04 horas, serão aplicadas nas cidades de Arapiraca e Maceió no dia 11 de Setembro (Domingo), no turno da tarde (horário de Brasília), em locais a serem confirmados até o dia 05 de Setembro. A validade do Concurso Público será de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.

Inscrições

As taxas de inscrições serão no valor de R$ 48,00 (Nível Médio) e de R$ 58,00 (Nível Superior). O/as interessado/as deverão se inscrever via internet, no endereço eletrônico: https://concursos.quadrix.org.br/default.aspx

Confira o edital completo clicando aqui


Postado em 14/07/2016 às 14:54 0

Grupo de pesquisa do MHN cataloga aves de Piaçabuçu


Por Assessoria

Estudar diferentes aspectos das aves alagoanas. Esta é uma das linhas de pesquisa do Laboratório de Morfologia Sistemática e Ecologia de Aves (LSEA). O laboratório desenvolve pesquisas em diferentes temas que vão desde a ciência básica destes animais até aspectos mais aplicados, como estudos sobre como as aves interagem com as mudanças ambientais causadas pelo homem.

O LSEA é coordenado pelo professor Renato Gaban-Lima e fica no Museu de História Natural (MHN) da Universidade Federal de Alagoas (Ufal). O laboratório também é vinculado ao Instituto de Ciências Biológicas e da Saúde (ICBS) e ao Setor de Ornitologia do MHN, que é a área da Zoologia que estuda as aves.

A atual atividade dos pesquisadores está concentrada em catalogar todas as espécies de aves relatadas no Estado, com o mapeamento das regiões já investigadas para indicar as que ainda precisam de investigação. O projeto Inventário e catalogação das aves de Alagoas pretende gerar informações que auxiliem o poder público na definição de políticas para o desenvolvimento sustentável, além de atuar em atividades de extensão universitária, capacitar futuros biólogos para realização de pesquisas científicas e prestar serviços nas áreas de análise e gestão ambientais.

O grupo de pesquisa desenvolve estudos, desde 2015, na Área de Proteção Ambiental (APA) de Piaçabuçu. Uma área de conservação de destaque no Estado, que atrai inúmeros turistas devido às suas belezas naturais. A APA é fiscalizada pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), órgão vinculado ao Ministério do Meio Ambiente (MMA).

O estudo também é coordenado pelo professor Renato Gaban-Lima e desenvolvido com os alunos Tainá Guedes, Laurene Coimbra e Williams Oliveira, do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica (Pibic), além da contribuição dos alunos voluntários Érica de Melo Silva, Maria Luísa, Sibele Lopes e Tarciéri Souza.

Sobre a APA

A Área de Proteção Ambiental de Piaçabuçu é uma importante unidade de conservação de Alagoas e foi criada para proteger populações de aves de praia e migratórias. Ela funciona também como barreira à expansão das dunas da foz do Rio São Francisco.

Devido suas belezas naturais, a APA é um destino turístico atraente. Nela são encontrados diferentes ambientes, como praias, dunas e restingas em diversos estados de conservação. Pontal do Peba, Bonito, Potengi e Pixaim são alguns dos povoados encontrados nessa área que conta também com propriedades rurais, destinadas à pecuária e à lavoura de coco, e a própria foz do Rio São Francisco.

Tanto as atividades de turismo quanto as agropecuárias são importantes fontes de renda para a população local, embora não tenham sido regulamentadas. “Frente à necessidade de revisão desse plano de manejo, o LSEA iniciou suas pesquisas com o intuito de gerar informações que possam contribuir com a proposição de medidas de conservação da natureza e o desenvolvimento econômico sustentável da população local”, destacou o professor.

Visitas à APA

Os estudos são realizados por meio de visitas mensais, quando a equipe faz observações e quantificações das espécies de aves em ambientes distintos, abrangendo toda a área da unidade de conservação. Durante as pesquisas de campo, espécies de aves são registradas visualmente ou por meio da audição de seus cantos e, sempre que possível, os registros são documentados em fotografias e gravações de áudio.

Os resultados das pesquisas já renderam artigos científicos, apresentações em congressos, e é tema do Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) de uma das alunas do laboratório. Os dados também são para um livro sobre as aves da APA, ressaltando a importância da conservação da biodiversidade e o papel de atividades econômicas responsáveis e conscientes na proteção dos recursos naturais, e no desenvolvimento das comunidades locais.

Apoio

Além das bolsas do Pibic para os alunos, o projeto conta com apoio e parceria do ICMBio, da Pousada Chez Julie, que fornece hospedagem à equipe no pontal do Peba, e da empresa operadora de Turismo Ecológico Farol da Foz, que conduz a equipe às áreas mais remotas da APA.

 


Postado em 14/07/2016 às 11:33 0

Ufal comenta prisões de estudantes com drogas no Piauí


Por Redação

Foto: Cortesia/Cidade Verde

Veículo da Ufal que transportava estudantes

A Universidade Federal de Alagoas (Ufal) emitiu nesta quinta-feira (14) uma nota comentando a prisão de estudantes da instituição ontem no estado do Piauí por terem sido flagrado com drogas. Uma van da Universidade levava um grupo para participar de um congresso quando foi abordada pela polícia.

A Ufal disse que ainda não foi comunicada oficialmente pela polícia do Piauí sobre o caso, mas que esta ciente das apreensões. A solicitação feita pelos estudantes do curso de Engenharia Florestal atendia os requisitos internos e teve como objetivo levar o grupo para participar de um congresso na cidade de Bom Jesus. Após a revista, os demais estudantes e o motorista foram liberados e seguiram viagem.

Leia mais: Estudantes da Ufal são presos com drogas em veículo da instituição

Leia a nota na íntegra:

A Universidade Federal de Alagoas informa que, mesmo não tendo sido comunicada oficialmente pela polícia do Piauí, está ciente do caso de apreensão de três estudantes por uso e porte de drogas.

A Instituição liberou uma van para o deslocamento de um grupo de alunos para o 5º Congresso Nordestino de Engenharia Florestal (Coneflor), realizado no município de Bom Jesus, no estado do Piauí. A solicitação atendeu às exigências da Divisão de Transporte, como requisição de veículo pelo Sistema Integrado de Patrimônio, Administração e Contratos (Sipac), autorização da Gestão para executar a programação, Carta de Aceite dos alunos para apresentação de trabalhos e a lista de alunos.

Na revista feita pela polícia do Piauí, tanto a van, quanto os demais alunos e os dois motoristas da Ufal foram revistados e, uma vez que nenhum material ilícito foi encontrado, foram liberados e seguiram viagem.

 A Divisão de Transporte, setor responsável pela liberação do veículo, não possui competência para vistoriar pertences pessoais dos alunos, embora oriente os passageiros sobre a proibição do uso e porte de drogas, bebidas alcoólicas e de fogos de artifício.

A Ufal já entrou em contato com as famílias dos estudantes que se deslocaram para o Piauí.


Postado em 13/07/2016 às 19:59 0

Reeducandos iniciam trabalhos no 5º Batalhão da Polícia Militar


Por Assessoria

Uma nova oportunidade para recomeçar a vida prestando um serviço importante para sociedade. Nesta quarta-feira (13), oito custodiados dos regimes aberto e semiaberto iniciaram os trabalhos de limpeza, pintura e manutenção do 5º Batalhão da Polícia Militar, situado no bairro Benedito Bentes, em Maceió. A ação obedece aos critérios da Lei de Execuções Penais.

A iniciativa foi possível graças a uma parceria firmada entre o setor de Reintegração Social da Secretaria da Ressocialização e Inclusão Social (Seris) e a Polícia Militar. Ao todo, 22 instituições públicas e privadas são contempladas com os serviços de 380 reeducandos. Todos eles estão inseridos no projeto da Reintegração que há 13 anos qualifica, seleciona, fiscaliza e oferta oportunidade de trabalho.

Como benefício, os custodiados que trabalham têm direito a remição em um dia na pena a cada dia de serviço, além de auxílio financeiro para custear suas despesas. De acordo com a chefe de Reintegração Social, Shirley Araújo, trata-se de uma grande chance para construir um futuro digno. “Com o trabalho o apenado é respeitado e consegue interagir no meio social”, ressaltou Shirley Araújo.

O comandante do 5º Batalhão da PM, tenente-coronel Carlos Amorim, destacou o apoio recebido. “Fizemos a solicitação junto ao gestor da Seris, tenente-coronel Marcos Sérgio de Freitas, e prontamente fomos atendidos com os serviços. Esse projeto é fundamental, pois além de manter o Batalhão limpo, estamos ressocializando e valorizando o ser humano”, comentou o comandante.